Espaço do

Paciente


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Apoio
Roche Norvatis Varian Bristol Lilly Amgen Pfizer Astrazeneca Bayer Janssen Msd Google grants Techsoup Lookmysite Ipsen Servier UICC Merck Abbvie Mundipharma United Medical Takeda Astellas

[Câncer de Mama] Vera Lucia

Aprendendo Com Você



Essa entrevista foi preenchida em 04/10/2019

Vera Lucia
  • Instituto Oncoguia - Quem é você? (idade, profissão, tem filhos, casada, cidade e estado?) Vera - Sou Vera Lúcia. Tenho 37 anos, sou casada, tenho uma filha de 2 anos. Moro em SP e sou contadora.
  • Instituto Oncoguia - Como foi que você descobriu que estava com câncer? Vera - Ah, que situação difícil!!! Deus por misericórdia me revelou... Isso mesmo, Deus. Um dia dormindo tive um sonho que estava com câncer, acordei muito assustada e comentei com minha mãe. Procurei um médico urgente e a mesma nem queria pedir a mamografia, mas insisti contei as historias da minha família e algumas dores que sentia no período pré-menstrual. Fiz a mamografia que já mostrou um Birad's 4 e, em seguida a biópsia, com o  resultado "carcinoma".
  • Instituto Oncoguia - Você apresentou sinais e sintomas do câncer? Quais? Vera - Sempre tive algumas dores no seio quando estava perto do meu período menstrual. Entretanto, em todos os exames os médicos diziam que era normal (displasia). Tive minha filha, não amamentei e meu seio permanecia muito sensível, sempre com dor.
  • Instituto Oncoguia - Quais dificuldades você enfrentou para fechar o seu diagnóstico? Vera - Ainda estou em fechamento de diagnóstico! Tenho médico nas próximas semanas, mas o mais difícil é consultar vários médicos e cada um dar um parecer diferente. Isso nos faz sentir insegurança...
  • Instituto Oncoguia - Como você ficou quando recebeu o diagnóstico? O que sentiu? No que pensou? Vera - Péssima. Sem chão... Pensei que iria morrer e senti vontade de sair correndo na rua gritando.
  • Instituto Oncoguia - Qual foi a sua maior preocupação neste momento? Vera - Deixar minha filha órfã.
  • Instituto Oncoguia - Você já começou o tratamento? Em que parte do tratamento você se encontra nesse momento? Se já finalizou, conte-nos um pouco sobre como foi enfrentar todos os tratamentos? Vera - Ainda não. Vou passar no médico na próxima semana e estou apreensiva, ansiosa. Mas com muita fé que, com Deus, vou vencer o câncer.
  • Instituto Oncoguia - Em sua opinião, qual é o tratamento mais difícil? Por quê? Vera - Ainda não posso comentar, pois não comecei.
  • Instituto Oncoguia - Você se relacionou com outros profissionais? Se sim, quais e por quê? Vera - Estou buscando ajuda de psicólogos, psiquiatrias, nutricionista e personal trainer on-line.
  • Instituto Oncoguia - Você fez ou faz acompanhamento psicológico? Se sim, conte-nos um pouco sobre a importância desse profissional nessa fase da sua vida. Vera - Fiz na adolescência. Tralhei em um projeto social do governo do estado aonde fiz também e agora vou iniciar as consultas com o psicologo em Out/19. O psiquiatria já iniciei... Acho muito importante essa ajuda para administrar minhas emoções.
  • Instituto Oncoguia - Como está a sua vida hoje? Vera - Mudou muito. Estou correndo contra o tempo para ter uma vida mais saudável, com mais qualidade. Aprendi a viver cada momento com mais intensidade, mas minha vida ainda está meio confusa... É uma mistura de sentimentos, vontade de viver e com medo do pior. Mas também estou com esperanças...
  • Instituto Oncoguia - Você continua trabalhando ou parou por causa do câncer? Vera - Trabalho e agora com mais foco.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou seus direitos? Se sim, quais? Vera - Estou buscando. Tenho alguns contatos com advogados que estão me orientando.
  • Instituto Oncoguia - Quais são seus projetos para o futuro? Vera - Primeiro colocar meu blog no ar. Sempre tive o sonho de ser palestrante, mas nunca imaginei que seria neste tema que estou vivendo. Mesmo assim vou em busca de ajudar outras pessoas nesta situação. Quero ser o exemplo de superação, este é um dos meus projetos. Ainda me sinto perdida em como iniciar tudo isso mas sigo buscando, pesquisando...
  • Instituto Oncoguia - Que orientações você daria para alguém que está recebendo o diagnóstico de câncer hoje? Vera - Primeiro chore! Chore muito, desabafe e depois pare e pense em Deus. Busque focar e ter como exemplo pessoas que superaram esta doença e lute todo dia com muita fé.
  • Instituto Oncoguia - Como você conheceu o Oncoguia? Vera - Através da indicação do Blog Mão na Mama.
  • Instituto Oncoguia - Você tem alguma sugestão a nos dar? Vera - Por enquanto não, pois estou conhecendo ainda.
  • Instituto Oncoguia - O que você acha que deveria ser feito para melhorar a situação do câncer no Brasil? Deixe um recado para os políticos brasileiros! Vera - Todo mundo ter o mesmo direito de ter atendimento rápido e com qualidade. A demora dos exames e das consultas fazem com que todo doente tenha um dia a menos para lutar.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive