Espaço do

Familiar


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

[CÂNCER DE MAMA] Lucia Angela Gadelha de Oliveira

Compartilhando Experiência



Essa entrevista foi preenchida em 14/04/2016

  • Instituto Oncoguia - Você poderia se apresentar? Lucia - Sou Lucia Angela, tenho 61 anos e sou solteira, com 3 filhas e 4 netos. Funcionária Pública ainda na ativa.
  • Instituto Oncoguia - Quem em sua família tem/teve câncer? Lucia - Minha irmã de 45 anos. Não vou mencionar seu nome porque pedi autorização para isso.
  • Instituto Oncoguia - Sabemos que o diagnóstico de um câncer também tem um impacto grande na família, como você lidou com esse momento? Lucia - Eu já havia tido contato com essa palavra câncer quando eu era criança, minha bisavó por parte de pai teve pulmonar, faleceu em consequência dele. Depois meu pai também faleceu de câncer na garganta. Mas como fui criada fora deles, o impacto não foi tão grande. Depois de adulta passei um susto, fui diagnosticada com basocelular (câncer de pele), comum em pessoas de pele clara e que tomam muito sol. Até hoje aparecem, eu trato e fica tudo bem. Porém o ano passado, minha irmã por parte de mãe e que eu carreguei no colo quando pequena foi diagnosticada com câncer de mama e em seguida já fez cirurgia. Então o susto foi bem maior... Mas como fomos criadas só por mãe, aprendemos desde cedo a ter responsabilidade e encarar as coisas de frente. Além disso, nossa Fé em Deus fez toda diferença. Somos evangélicas, então passamos a correr atrás de trazê-la para Belém, pois ela mora na nossa cidade natal Altamira interior do Pará. Já iniciamos a quimioterapia e ela vai pra terceira sessão. Já na segunda ela teve que raspar a cabeça, então fizemos uma campanha do lenço na família até os homens aderiram, fizemos um mural na rede social... Enfim estamos procurando lidar da melhor forma com a situação. Ela é muito forte...
  • Instituto Oncoguia - Quais foram os principais desafios enfrentados? Lucia - Primeiro desafio foi falar pra nossa mãe que tem 76 anos e já sobrevive com um efizema pulmonar devido a cigarros. Outro desafio foi ter que ver o sofrimento de minha irmã quando precisa tomar injeções para aumentar a resistência, pois a reação são muitas dores e a semana após as sessões de quimio a deixa muito fraca e enjoada. Nos dias normais é só diversão, até a próxima sessão. Então é isso, estamos sempre em oração para que seu sofrimento durante o tratamento seja o menor possível.
  • Instituto Oncoguia - De que forma você ajudou seu familiar? Lucia - Ainda ajudo, acompanhando a fazer a quimio, eu e outra irmã mais nova. E estando ao lado dela sempre que possível.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou se informar sobre a doença? Isso lhe ajudou? Lucia - Ainda estou buscando mais informações, pois não sei direito que tipo é o que ela tem. Só sei que teve de tirar o mamilo e também alguns nódulos na axila do mesmo lado.
  • Instituto Oncoguia - Você buscou apoio psicológico? Se sim, de que forma isso lhe ajudou? Lucia - Eu já fazia terapia por outros motivos pessoais, então foi mais fácil.
  • Instituto Oncoguia - Após a descoberta do câncer no seu familiar, você ficou mais atento com a sua própria saúde? De que forma você se cuida? Lucia - Como eu disse, já tive um susto, então já faço avaliações anuais de colo, mama e demais exames.
  • Instituto Oncoguia - Que conselho ou dica você daria para um familiar que esta enfrentando o câncer em casa? Lucia - Deus em primeiro lugar, só com a confiança Nele podemos enfrentar qualquer problema. E buscar ajuda médica mesmo que seja difícil, a vida de um ente querido vale qualquer sacrifício.
  • Instituto Oncoguia - Como você conheceu o Instituto Oncoguia? Lucia - Fazendo pesquisa sobre isso, através da internet. E foi hoje mesmo..rsrsr
  • Instituto Oncoguia - Você tem alguma sugestão a nos dar? Lucia - Continue esse trabalho de esclarecimento, talvez com mais ilustrações sobre cada tipo.


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive