Estudos
Status
  • Câncer de próstata metastático - CYCLONE-3

    Tipo: Câncer de Próstata

    Descrição

    Estudo fase 3, randomizado, duplo-cego, controlado com placebo, de abemaciclibe em combinação com abiraterona mais prednisona em homens com câncer de próstata metastático, sensível a hormônio, de risco elevado - CYCLONE-3

    Recrutando
Registros
  • Clinical Trials: NCT05288166

  • Laboratório: Eli Lilly And Company.

Resumo do Estudo
  • Objetivo: Determinar se a adição de abemaciclibe a abiraterona mais prednisonaa melhora a sobrevida livre de progressão radiográfica (SLPr).

  • Público-alvo: População: homens adultos com mHSPC de risco elevado randomizados aos braços do estudo (população de análise primária)

  • Tipo de estudo: Intervencionista

  • Fase do estudo: 3

  • Desenho do estudo: CYCLONE 3 é um estudo multicêntrico, multinacional, randomizado, duplo-cego, controlado com placebo, de fase 3, para avaliar a segurança e a eficácia da adição de abemaciclibe a abiraterona mais prednisona em pacientes com mHSPC de risco elevado. Risco elevado é definido como a presença de >4 metástases ósseas e/ou >1 metástases viscerais.

Critérios de Elegibilidade
Critérios de inclusão:
- Homens adultos (18 anos ou maioridade de acordo com a norma local) dispostos e capazes de fornecer consentimento livre e esclarecido escrito e atender aos procedimentos do estudo
- Adenocarcinoma prostático histologicamente confirmado
- Carcinoma neuroendócrino bem diferenciado, carcinoma neuroendócrino de células pequenas ou grandes, tumores sarcomatoides e tumores carcinoides são excluídos
- Doença metastática de risco elevado antes do início da terapia sistêmica (ADT ± docetaxel) definida como 4 metástases ósseas por cintilografia óssea e/ou 1 metástases viscerais (por exemplo, fígado, pulmão e adrenal) por TC ou RMN
- Invasão local (por exemplo, bexiga) ou envolvimento de linfonodo não se qualificam como metástases viscerais
- Lesão visceral previamente irradiada como o único local de doença é permitida conforme permitido, contanto que tenha havido progressão subsequente naquele local
- Os participantes devem ter iniciado ADT antes da randomização
- Para pacientes que recebem agentes modificadores ósseos (por exemplo, bisfosfonatos ou denosumabe) para tratamento de metástases ósseas, a dose deverá estar estável por no mínimo 4 semanas antes da randomização. Isto não se aplica a pacientes com administração para osteoporose
- Apresentar função orgânica adequada, como, por exemplo, FEVE 50%, albumina clínica 3g/dL e potássio sérico 3,5 mM
- Estado de desempenho do Eastern Cooperative Oncology Group [Grupo Cooperativo Oriental de Oncologia] (ECOG) de 0 ou 1 na triagem
- Participantes não estéreis com parceiras férteis deverão concordar em utilizar contracepção eficaz durante o estudo e por no mínimo 3 semanas após a última dose do tratamento em estudo
Critérios de exclusão:
- Contraindicações conhecidas ou suspeitas de hipersensibilidade a abiraterona, prednisona/prednisolona ou abemaciclibe ou a qualquer dos excipientes
- Incapacidade de deglutir medicações orais ou distúrbio que afete a absorção
- Tratamento anterior com abemaciclibe ou qualquer outro inibidor de CDK4 e 6
- Desenvolvimento de câncer de próstata metastático no contexto de níveis de testosterona de castração (50 ng/dL; 1,73 nmol/L)
- Recebimento de qualquer terapia sistêmica anterior para câncer de próstata metastático (incluindo agentes em investigação)
- Radioterapia à próstata para doença metastática e/ou radiação ou cirurgia para todas as lesões metastáticas. Um ciclo de radiação paliativa ou terapia cirúrgica para tratar sintomas de doença metastática é permitido se tiver sido administrado no mínimo 4 semanas antes da randomização
- Compressão da medula vertebral não tratada, metástases vertebrais com risco emergente de compressão da medula vertebral ou lesões ósseas estruturalmente instáveis em risco elevado de fratura iminente
- Metástases ao SNC conhecidas não tratadas ou qualquer história de doença leptomeningeal. Não é exigida triagem de pacientes assintomáticos quanto a metástases ao SNC (pacientes com uma história de metástases cerebrais tratadas por cirurgia ou radioterapia são elegíveis, contanto que a doença esteja estável após tratamento por no mínimo 8 semanas antes da randomização e sem necessidade de corticosteroides por no mínimo 2 semanas antes da randomização)
- Condição clínica grave preexistente que, no parecer do Investigador, impediria a participação neste estudo
- Doença cardiovascular clinicamente significativa conforme evidenciada por infarto do miocárdio, eventos tromboembólicos arteriais ou angina severa/instável nos 6 meses anteriores ou insuficiência cardíaca Classes II a IV da New York Heart Association
- História de qualquer das condições a seguir: síncope de etiologia cardiovascular, arritmia ventricular de origem patológica (incluindo, entre outras, taquicardia ventricular e fibrilação ventricular) ou parada cardíaca súbita. Arritmia atrial crônica e hemodinamicamente estável bem controlada com terapia médica é permitida
- Hipertensão não controlada (pressão arterial [PA] sistólica 160 mmHg ou PA diastólica 95 mmHg). Pacientes com uma história de hipertensão são permitidos, contanto que a PA seja controlada por tratamento anti-hipertensivo
- Hepatopatia clinicamente ativa ou crônica, comprometimento hepático moderado/severo (Child-Pugh Classes B e C), ascite ou distúrbios de sangramento decorrentes de disfunção hepática
- História de disfunção adrenal ou distúrbio hipofisário
- Submetido a uma cirurgia de grande porte no período de 4 semanas antes da randomização. Todas as incisões deverão ter cicatrizado ou estar em cicatrização, assépticas e sem sinais ou sintomas de infecção
- Doença maligna anterior ou ativa concomitante (exceto câncer de pele não melanomatoso)
- Infecções sistêmicas ativas ou carga viral (como positividade conhecida para vírus da imunodeficiência humana ou com hepatite B ou C ativa conhecida)
- Recebeu vacinação viva no período de 4 semanas antes da randomização
- Inclusão atual em um estudo clínico envolvendo um produto investigacional ou qualquer outro tipo de pesquisa médica não considerada científica ou clinicamente compatível com este estudo
- Participou de qualquer estudo clínico para o qual a atribuição ao tratamento ainda está cega. Caso o paciente tenha participado de um estudo clínico que envolve um produto em investigação, 3 meses ou 5 meias-vidas (o que for mais curto) deverão ter se passado antes da randomização

Para maiores informações ou esclarecimentos em relação ao conteúdo aqui disponibilizado, entre em contato com o Instituto ONCOGUIA ou com um dos Centros de Pesquisa participantes, conforme indicado abaixo.

Os pesquisadores têm o dever de esclarecer todas as suas dúvidas da maneira mais simples possível.

Caso as avaliações iniciais mostrarem que você pode participar desta pesquisa e se você decidir em participar, você passará a ser um participante de pesquisa.

Lembre-se, sua decisão de participar deve ser voluntária, isto é, ser de sua livre e espontânea vontade. Contudo, mesmo que você tenha concordado em participar, saiba que, a qualquer momento, você pode mudar de ideia e desistir da pesquisa.

Ao participar como voluntário em qualquer pesquisa, nem você, nem seu acompanhante (quando a presença dele for necessária) podem ter custos para participar da pesquisa. Essas despesas devem ser pagas pelo patrocinador do estudo.

Contato com os Centros de Pesquisa
Ver telefone/email
Curitiba/PR
Pesquisador responsável: Karina Costa Maia Vianna
Instituição: CIONC- Centro Integrado de Oncologia de Curitiba S.S.
Contato: Lucélia ou Karina
Telefone: 41 3024.2421 / 99903.6429
E-mail: [email protected] / [email protected]
Multimídia

Acesse a galeria do TV Oncoguia e Biblioteca

Folhetos

Diferentes materiais educativos para download

Doações

Faça você também parte desta batalha

Cadastro

Mantenha-se conectado ao nosso trabalho