Conscientização sobre câncer de cabeça e pescoço

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 24/08/2015 - Data de atualização: 24/08/2015

O Instituto Oncoguia, organização sem fins lucrativos fundada na cidade de São Paulo, em 2009, orienta a população sobre um tipo de câncer que está ligado a dois fatores presentes em cidades de todo o Brasil: cigarro e bebida alcoólica.

Embora não seja amplamente divulgado, o câncer de cabeça e pescoço, que pode atingir boca, garganta, laringe (cordas vocais), nariz, seios nasais e ao redor dos olhos, tem uma incidência marcante entre os brasileiros: o câncer de cavidade oral, conhecido como câncer de boca, já é o quarto tipo mais frequente entre homens das regiões Sudeste e Nordeste, sem considerar os tumores de pele não melanoma.

De acordo com o estudo "Estimativa 2014: Incidência de câncer no Brasil”, realizado pelo Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva – Inca, neste ano estimam-se 11.280 novos casos de câncer de cavidade oral em homens e 4.010 em mulheres.  Além de 6.870 casos de câncer de laringe em homens e 770 em mulheres.

O desenvolvimento do câncer de cabeça e pescoço está ligado a diversos fatores, como ingestão de bebida alcoólica, fumo, infecção pelo vírus HPV (sexo oral sem proteção) e exposição à radiação solar. A maior incidência recai sobre fumantes e indivíduos que fazem uso constante de bebida alcoólica. Por outro lado, os casos ligados ao HPV ocorrem entre homens e mulheres jovens, não necessariamente usuários de álcool e cigarro.

Os sinais e sintomas do câncer de cabeça e pescoço podem incluir o aparecimento de um nódulo, uma ferida que não cicatriza, dor de garganta que não melhora, dificuldade para engolir e alterações na voz ou rouquidão. Entretanto, estes sintomas também podem ser causados ​​por outras condições clínicas. Portanto, ao notar qualquer um desses sintomas, é importante consultar-se com um médico.

"O diagnóstico deste tipo de câncer geralmente ocorre quando a doença já está em estágio avançado, reduzindo as chances de cura. A falta de informação e a demora para buscar o atendimento adequado são fatores decisivos para o insucesso do tratamento”, diz Luciana Holtz, presidente do Instituto Oncoguia.

Para atuar em cada uma das frentes do amplo ‘universo do câncer’, o Instituto Oncoguia trabalha em quatro frentes: Advocacy (Defesa da Causa e dos Direitos dos Pacientes); Informação de Qualidade; Apoio ao paciente e Educação em Saúde; além de desenvolver projetos em todo o país, muitos deles amparados pelos meios digitais de informação e comunicação.

Conheça o trabalho do Instituto Oncoguia e acesse o conteúdo completo sobre câncer de cabeça e pescoço em www.oncoguia.org.br. Neste endereço também é possível encontrar os perfis do Facebook e Twitter com as diversas campanhas relacionadas à conscientização e prevenção de diversos tipos de cânceres.

------------------------------------------

Sobre o Instituto Oncoguia

O Instituto Oncoguia é uma entidade sem fins lucrativos com sede na capital paulista, fundada em 2009, que tem como missão ajudar o paciente com câncer a viver melhor. Composta por equipe multidisciplinar de profissionais da área da saúde, direito e comunicação, o Instituto Oncoguia desenvolve projetos em 4 núcleos: Educação em Saúde; Apoio ao Paciente, Advocacy e Informação de Qualidade. Dentre os principais projetos estão o Portal Oncoguia (o maior e mais completo canal brasileiro de informações em oncologia), o Programa Navegador (na comunidade M´Boi Mirim) e o Programa de Apoio ao Paciente com Câncer, em que, por meio de ligações gratuitas (0800 773 1666), o paciente de qualquer lugar do Brasil pode tirar dúvidas a respeito de seus direitos, tratamentos e qualidade de vida.

www.oncoguia.org.br

Mais Informações à Imprensa

Giovana Camargo
giovanacamargo@oncoguia.org.br
Tel. (11) 98383.2180





Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive