Tratamentos

Oncologia de Precisão (Medicina Personalizada)


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Personalização do Tratamento em Oncologia de Precisão

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 27/02/2015 - Data de atualização: 27/02/2015


Antes de medicina personalizada, a maioria dos pacientes com um tipo específico e estadiamento do câncer recebia o mesmo tratamento. No entanto, ficou claro para os médicos e pacientes que alguns tratamentos funcionam bem para alguns pacientes e não tão bem para outros.

Com o crescimento do conhecimento genético, os pesquisadores descobriram que as diferenças genéticas entre os pacientes e seus tumores explicava o porquê dessas respostas diferentes ao tratamento.

Embora um paciente com câncer agora possa receber um esquema de tratamento padrão, como no caso da cirurgia para retirar o tumor, o médico também pode recomendar algum tipo de tratamento personalizado para a doença. Os tratamentos personalizados podem ser uma parte ativa do esquema de tratamento ou de um estudo clínico.

Ter um mapa genético ou perfil da variação genética do paciente orienta na seleção de medicamentos ou processos terapêuticos, o que pode minimizar os efeitos colaterais ou permitir desenhar uma estratégia para um resultado mais bem sucedido do tratamento. O mapeamento genético também pode indicar a propensão de um paciente de contrair determinadas doenças antes que apresente sintomas reconhecíveis, permitindo ao médico e ao paciente criar um esquema de observação e prevenção.

Embora o tratamento esteja cada vez mais personalizado, não se pode prever quais pacientes responderão a um determinado tratamento. O tratamento personalizado é baseado nos grupos ao que o paciente pertence, e não a um paciente específico.

Os resultados dos estudos clínicos mostram quais terapêuticas são mais eficazes em determinados grupos de pacientes. Por exemplo, estudos clínicos mostram que a terapia alvo com trastuzumabe reduz o risco de recidiva do câncer de mama HER2+. Logo, se o tumor é HER2+ o esquema de tratamento geralmente é personalizado para incluir o trastuzumabe.

A oncologia de precisão ajuda os médicos a tomarem decisões clínicas melhores e mais eficazes para cada paciente individualmente.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive