Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Bayer Janssen MSD Takeda Astellas UICC Libbs Abbvie Ipsen Sanofi Daiichi Sankyo GSK Avon Nestlé Servier Viatris


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Outubro Rosa: não deixe o câncer de mama fazer parte da sua vida

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 28/09/2022 - Data de atualização: 28/09/2022


Diante de todas as atividades cotidiana, é importante demais separar um tempo para o autocuidado, ou seja, se conhecer e identificar sos sinais que corpo expressa.  É por isso que, neste Outubro Rosa, o Hospital de Câncer de Pernambuco (HCP) faz um alerta importante com a campanha: Não deixe o câncer de mama fazer parte da sua vida. Previna-se! Esse tipo de tumor é o mais incidente na população feminina mundial e brasileira, excluindo os casos de câncer de pele não melanoma, mas pode ser evitado com mudanças diárias do dia a dia, que incluem cuidar do corpo e da mente. Dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca) estimam que, somente em 2022, 66.280 mulheres devem receber o diagnóstico da doença no Brasil. 

A campanha do HCP busca estimular o autocuidado entre as mulheres.  Ter uma alimentação saudável e praticar exercícios físicos, por exemplo, podem contribuir para evitar o câncer de mama, uma vez que a obesidade é um dos fatores de risco para o surgimento da doença. Cuidar da mente, assim como manter as consultas médicas e os exames de rotina em dia e, no caso das mulheres com mais de 40 anos, realizar a mamografia anualmente, também são importantes para detectar a doença em estágio inicial, o que contribui para o aumento das chances de cura em mais de 90%. No caso das mulheres com histórico familiar de câncer de mama, essa prevenção deve começar ainda mais cedo.

De acordo com a mastologista e coordenadora do Serviço de Mama do HCP, dra. Carolina Vasconcelos, o câncer de mama é uma doença de causa multifatorial, ou seja, não existe uma causa definida que possa ser associada ao seu surgimento. Precisamos ter muito cuidado em relação à qualidade de vida para evitarmos esses riscos. A mulher moderna está mais exposta ao câncer justamente por causa do estilo de vida, o que não deixa muito tempo para cuidarmos de nós, explica a médica. Outro importante fator de risco não só para o câncer de mama, mas para todos os tipos de câncer é o consumo de álcool e o cigarro, mas principalmente a combinação dos dois.

O câncer de mama
O câncer de mama, é o segundo tipo mais frequente de no mundo, e por isso precisa de uma atenção maior e um processo de conscientização. No Brasil o número de mortes por esse tipo de câncer continua em alta, pelo fato do número de diagnósticos tardios, quando o câncer já se encontra em estado avançado, o que dificulta no tratamento. Vale lembrar que homem também precisa fazer o autoexame e caso sinta algum nódulo procurar o médico rapidamente, os casos de câncer de mama no sexo masculino, é baixo, mas existe e precisa de atenção.

Os sintomas do câncer de mama mais fácil de ser percebido pela mulher é um caroço no seio, acompanhado ou não de dor. A pele da mama pode ficar parecida com aspecto de casca de laranja, também podem aparecer pequenos caroços embaixo do braço. 

O exame das mamas pode ser realizado pela própria mulher, apalpando os seios, ou seja, conhecendo o próprio corpo, entretanto, esse exame não substitui o exame clínico das mamas que é a mamoragrafia realizado por um profissional de saúde treinado. Caso a mulher observe alguma alteração deve procurar imediatamente o serviço de saúde mais próximo de sua residência. 

O que é Outubro Rosa?
Outubro Rosa é um movimento internacional que acontece para a conscientização da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. O movimento tem o dever de chamar a atenção para as mulheres realizarem o autoexame de mama em casa, e fazerem a mamografia e terem o diagnóstico precoce, assim podendo salvar suas vidas e terem maior possibilidade de vencerem o problema e conseguirem tratamento menos agressivo, se descoberto o problema no início.

A campanha Outubro Rosa só começou na década de 1990, nos Estados Unidos, em apenas alguns estados americanos fazendo campanhas isoladas sobre o tema.

Só que a campanha foi aprovada pelo Congresso Americano que o mês de outubro foi reconhecido nacionalmente como o mês da prevenção contra o câncer de mama. Foi desse reconhecimento que os laços rosas, foi criado para representar o símbolo da campanha e começaram a serem confeccionados.

Outubro Rosa no Brasil
No Brasil, o movimento só apareceu em 2002, quando o Obelisco do Ibirapuera, em São Paulo, foi iluminado com luzes cor de rosa. Depois disso, somente em 2008 que a movimentação ganhou força em vários estados brasileiros, e assim a campanha foi ganhando destaque em todo o mundo, iluminando os principais monumentos da cidade. 

Fonte: Diário de Pernambuco



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive