Tipos de Câncer

Doença de Castleman


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Novidades no Tratamento da Doença de Castleman

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 28/06/2014 - Data de atualização: 11/10/2017


Muitas pesquisas sobre a doença de Castleman estão em desenvolvimento em diversos centros médicos no mundo inteiro. Infelizmente, as pesquisas sobre a doença são demoradas pelo fato de ser uma doença rara.

A forma localizada (unicêntrica) da doença de Castleman é mais comum do que a forma multicêntrica da doença. A doença de Castleman multicêntrica é mais provável de ocorrer em pessoas infectadas com o vírus HIV. Os tratamentos antivirais atuais aumentam a sobrevida dos pacientes com HIV, mas não parecem melhorar a chance de cura na doença de Castleman multicêntrica.

A doença de Castleman pode afetar crianças e adultos. As pessoas mais jovens são mais propensas a ter a forma localizada da doença. Enquanto os adultos mais velhos e aqueles com infecção pelo vírus HIV são mais propensos a ter a forma multicêntrica da doença.

Fonte: American Cancer Society (23/05/2016)http://www.cancer.org/cancer/castleman-disease/about/new-research.html

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive