Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia Sanofi Grunenthal Sirtex Servier Oncologia


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Nova tecnologia ajuda pacientes a controlar, de casa, os sintomas do câncer

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 12/01/2021 - Data de atualização: 12/01/2021


Ao mesmo tempo em que a ciência avança na descoberta de novos tratamentos e medicamentos contra o câncer, especialistas buscam também melhorar a qualidade de vida dos pacientes. Um sistema desenvolvido pela Universidade de Leeds, uma das maiores do Reino Unido, vai nesta direção, ao permitir que as pessoas consigam relatar on-line seus sintomas e receber aconselhamento médico instantâneo sobre como controlá-los em casa ou saber a hora certa de buscar atendimento médico em hospitais.

Centenas de pacientes com câncer poderão se beneficiar com o uso de algoritmos de computador para gerenciar os sintomas por meio do eRAPID. Voltado especialmente para pacientes nas primeiras semanas de tratamento, ele é o primeiro ensaio desse tipo a oferecer aconselhamento automatizado, de forma econômica e que reduz a carga de trabalho dos médicos.

Já nas fases finais de testes, o ensaio eRAPID incluiu 508 pacientes com câncer colorretal, de mama ou ginecológico, com idades entre 18 anos e 86 anos, que estavam começando a quimioterapia no Leeds Cancer Center. Todos os pacientes receberam cuidados habituais, e 256 deles receberam atendimento do sistema como cuidados adicionais.

Eles responderam a um conjunto de perguntas específicas sobre o câncer por meio de um relatório de sintomas on-line uma vez por semana, ou quando novos sintomas surgiram, durante o período de estudo, de 18 semanas. Usando graus de gravidade dos sintomas, um algoritmo de computador projetado pelos pesquisadores e médicos pontuou todas as respostas e determinou os conselhos que os pacientes receberam.

Os benefícios clínicos no bem-estar físico dos pacientes foram observados principalmente no período inicial do tratamento, entre as semanas 6 e 12, quando são esperados desafios no controle dos efeitos colaterais. O conselho imediato aumentou a confiança do paciente no controle dos sintomas leves e moderados relacionados ao tratamento.

Cuidado essencial

“Um número crescente de pacientes com câncer está recebendo uma variedade de tratamentos anticâncer, o que significa que os pacientes vivem mais e requerem períodos mais longos de cuidados e monitoramento, “explicou a professora principal do programa, Galina Velikova.

A dra. Kate Absolom, pesquisadora acadêmica da Universidade de Leeds, ressaltou que a pandemia do novo coronavírus, que causa a Covid-19, destacou a necessidade deste tipo de abordagem e acelerou uma mudança em direção a cuidados com base em tecnologia. “Portanto, os resultados deste estudo são muito oportunos”, comentou.

Menos sofrimento para o paciente

Os pacientes com câncer apresentam uma variedade de sintomas, causados tanto pela própria doença quanto por efeitos colaterais da quimioterapia e outros tratamentos, que às vezes são fatais e requerem hospitalização de emergência.

Muitos especialistas destacam que a ocorrência destes sintomas acabam por reduzir significativamente a qualidade de vida dos pacientes. O sofrimento físico durante a luta contra o câncer, além de recorrentes internações, consequentemente, impactam a capacidade de o doente continuar o tratamento.

Fonte: Metrópoles

As opiniões contidas nas matérias divulgadas refletem unicamente a opinião do veículo, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive