top
Núcleo de

Advocacy

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

[LEGISLATIVO] Senado debate inclusão de laringe eletrônica no SUS

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 13/09/2017 - Data de atualização: 13/09/2017


O que houve?

Foi agendada para o dia 14 de setembro de 2017, às 09h00, no plenário 09 do anexo II do Senado Federal, a audiência pública requerida na Comissão de Assuntos Sociais, pelo  Senador Dalirio Beber (PSDB/SC),  para debater a inclusão, na tabela do SUS, do equipamento "Laringe Eletrônica” utilizado em casos de laringectomia total.
 
Segundo o autor, "o câncer de laringe é um dos mais comuns entre os que atingem a região da boca e pescoço. Em casos de laringectomia total a reabilitação fonatória é feita através do uso da laringe eletrônica. Esse equipamento, mesmo produzindo uma voz de qualidade robótica e distante do padrão vocal habitual, é um recurso de utilização imediata, de fácil aprendizado e que possibilita maior independência na comunicação básica”.
 
Ressalta ainda que, "diversas entidades e especialistas estão trabalhando para incorporar a laringe eletrônica na tabela do SUS para que toda a rede pública de saúde forneça a mesma, quando solicitada ao paciente. Atualmente, a prótese está cadastrada na tabela do SUS como prótese vcal pós-laringectomia com adaptadores avulsos, no valor de R$ 375,00. No entanto, o valor atualizado somente da prótese é de R$ 1.750,00, sem os adaptadores avulsos”.
 
A audiência pública visa ampliar esse debate e apoiar essa demanda junto ao Ministério da Saúde e demais órgãos competentes.


Foram convidados:
 
  • Dra. Elisa Vieira, Presidente e Fonoaudióloga da Associação de Câncer de Boca e Garganta (ACBG).
  • Melissa Ribeiro, Vice-Presidente da Associação de Câncer de Boca e Garganta (ACBG).
  • Inês Gadelha, Coordenadora Geral de Doenças Crônicas do Ministério da Saúde.
  • Sandro Martins, Coordenador do Departamento de Atenção Especializada e Temática do Ministério da Saúde (DAET).
 
E agora?

A Audiência está agendada para quinta-feira (14 de setembro) na Comissão de Assuntos Sociais do Senado Federal.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive