Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Fadiga

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 24/03/2013 - Data de atualização: 24/03/2013


O tratamento do câncer tem por finalidade a cura ou alívio dos sintomas da doença. Os tratamentos com medicamentos (quimioterapia, terapia alvo, hormonioterapia), cirúrgicos e radioterápicos podem provocar efeitos colaterais que variam de paciente para paciente dependendo de múltiplos fatores, podendo ser diferentes quanto a intensidade e duração. Alguns pacientes poderão apresentar efeitos colaterais mais severos, outros mais leves ou mesmo não apresentar qualquer efeito colateral. Em caso de você apresentar algum efeito colateral devido ao tratamento que está realizando procure imediatamente seu médico para receber as orientações necessárias para seu caso.

A fadiga relacionada ao câncer é uma sensação persistente de cansaço ou exaustão. Pessoas que sentem cansaço durante o tratamento, muitas vezes, dizem que até um pequeno esforço, como andar dentro de casa, pode ser muito difícil. A fadiga pode afetar seriamente as atividades diárias do paciente, incluindo sua capacidade de trabalho e relacionamento com os seus familiares e amigos ou de socializar-se. A fadiga pode levar as pessoas a evitar ou ignorar etapas do tratamento e até mesmo afetar o desejo de viver.

A fadiga pode surgir após o tratamento nas seguintes circunstâncias:

  • Poucos dias após o tratamento quimioterápico.
  • Poucas semanas após o início do tratamento radioterápico.
  • Após o tratamento com imunoterapia.

Às vezes, outras condições podem contribuir para a fadiga, incluindo dor, depressão ou insônia.

Diagnóstico

É importante informar ao médico se você estiver sentindo fadiga. Ele solicitará um exame de sangue para determinar a presença de anemia ou outro problema que possa estar causando o sintoma.

Manejo da Fadiga

  • Exercite-se regularmente.
  • Conserve a sua energia.
  • Faça tratamento para depressão, dor, distúrbios do sono, ou outras condições que possam estar associadas à fadiga.


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive