Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia Sanofi Grunenthal Sirtex Servier Oncologia


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Em busca de acolhimento e informação

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 13/05/2020 - Data de atualização: 13/05/2020


As filhas de Omenaide Barbosa dos Santos, de 68 anos, entraram em contato com o Oncoguia no dia 29 de abril preocupadas com a mãe, que havia acabado de ser diagnosticada com um câncer de ovário.
 
Omenaide passou mal em casa e foi levada ao pronto socorro, onde disseram que ela estava com problema de intestino e precisaria fazer lavagem. A filha, Tatiana Barbosa Gomes, pediu que realizassem um ultrassom na mãe, mas o posto de saúde disse que não seria possível. Tatiana levou a mãe para fazer o exame em uma clínica particular e retornou ao posto com o resultado. Segundo a médica que a atendeu, Omenaide estava com uma massa suspeita logo abaixo do ovário, porém não havia nada que pudesse ser feito no posto. 

Dois dias depois, ao passar mal novamente e voltar ao posto de saúde, Omenaide realizou mais uma lavagem intestinal. Além disso, os médicos disseram que ela estava com água na barriga e precisava tirar, porém lá não havia recursos para realizar o procedimento. 

Mais três dias se passaram e Omenaide passou mal novamente. Como a mãe estava bastante debilitada, as filhas a levaram ao Hospital Municipal Vereador José Storopolli Vila Maria, onde a paciente foi atendida por um clínico, um cirurgião e por um ginecologista. Ela também realizou uma tomografia que constatou que a massa era um câncer de ovário em grau avançado. No mesmo dia, 29 de abril, a paciente foi inserida na regulação para ser encaminhada para tratamento oncológico. 

Informação e acolhimento em um mesmo lugar

"Perguntamos quanto tempo demoraria para que minha mãe fosse chamada, e disseram que poderia levar de 30 a 60 dias. Achamos muito tempo e ficamos preocupadas. Foi quando procuramos o Oncoguia para saber mais informações. A Shirlei nos orientou sobre a Lei dos 60 dias e disse que se em 15 dias não tivéssemos retorno do hospital, para voltarmos a ligar para ela", conta Tatiana. 

No dia seguinte, 30 de abril, o hospital entrou em contato com a família encaminhando Omenaide para o ICAVC (Instituto de Câncer dr. Arnaldo). No dia 4 de maio, quando foi ao ICAVC, Omenaide passou muito mal e foi transferida para a Santa Casa, onde foi internada. Lá, realizaram a retirada do líquido abdominal que estava acumulado e foram realizadas biópsia, ressonância magnética e tomografia.

A paciente permanece internada devido ao seu estado debilitado e aguarda os resultados da biópsia para que seja determinado o tratamento inicial para o câncer de ovário.  

"Estávamos bastante perdidas, não tínhamos nenhuma informação. A Shirlei foi muito atenciosa e nos explicou tudo direitinho, deu também informações para que tivéssemos cuidado com o coronavírus. Conseguiu nos deixar mais tranquilas e confiantes, apesar de minha mãe estar numa situação muito grave. Foi um apoio psicológico muito grande", finaliza Tatiana. 

É normal sentir-se perdido quando você ou algum familiar recebe um diagnóstico de câncer. Nessas horas, além de informação, é comum precisar também de acolhimento. Se este é o seu caso, o Oncoguia pode te ajudar. Ligue para o Canal Ligue Câncer pelo telefone 0800 773 1666 e fale com uma de nossas especialistas de atendimento. 

E nesse mês de conscientização sobre o câncer de ovário, saiba mais sobre a doença em nossa página aqui no portal.



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive