top

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Câncer de Pele: saiba como prevenir uma das doenças mais frequentes entre os brasileiros

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 11/08/2017 - Data de atualização: 11/08/2017


Por ano, mais de cem mil brasileiros são diagnosticados com câncer de pele. Esse tipo da doença, também conhecida como Câncer de Pele Não Melanoma, é o mais comum e corresponde a 25% de todos os tumores malignos registrados no país. Esse alto índice pode ser explicado devido ao fato de que a maior parte do território brasileiro situa-se em zonas de latitudes baixas, nas quais prevalecem os climas quentes e úmidos, com temperaturas médias em torno de 20 ºC.

Essas condições fazem com que a incidência de raios ultravioleta seja grande ao longo do ano, e não somente durante o verão. Por isso, especialistas alertam que o cuidado com a pele precisa ser constante. 

Afinal, a pele é o maior órgão do nosso corpo e o cuidado com ela deve ser feito todos os dias. Durante o verão existe uma preocupação maior das pessoas, mas o uso do protetor solar deve ser feito diariamente. Mesmo em dias mais nublados, há a incidência de raios solares e, por isso, precisamos nos proteger deles.

Dados do Instituto Nacional do Câncer, do Ministério da Saúde, apontam que a doença é mais comum em pessoas com idade acima de 40 anos e de pele clara, porém, crianças, negros, pessoas que ficam muito expostas ao sol sem proteção e portadores de doenças cutâneas prévias também estão vulneráveis.

A exposição aos raios solares é prejudicial à saúde e tem efeito acumulativo. A incidência do sol sobre a pele provoca alteração no DNA das células, gerando células cancerígenas. Para se proteger, o ideal é usar diariamente o filtro solar com fator de proteção 30 ou superior. Para quem não fica muito exposto ao sol, é recomendado reaplicar o produto duas vezes ao dia. Já os profissionais que trabalham expostos ao sol, devem reaplicar o filtro solar a cada duas horas.

A suspeita da doença apresenta alguns sinais, que devem ser observados com atenção. O câncer de pele geralmente surge através de uma lesão na pele. Pode ser uma pinta que não existia, ou que aumenta de tamanho ou muda de cor. A orientação é sempre buscar ajuda médica. 
O tratamento, em sua maioria, é cirúrgico e, se detectado precocemente, as chances de cura são grandes, porém, o cuidado com a saúde deve ser incorporado à rotina de todos. 

Fonte: Globo Esporte

As opiniões contidas nos artigos assinados pelos nossos colunistas refletem unicamente a opinião do autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive