Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia Sanofi Grunenthal Sirtex Servier Oncologia


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Campanha contra obesidade lança alimentos tarja verde

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 11/02/2020 - Data de atualização: 11/02/2020


Crédito: Divulgação Campanha do Instituto Vencer o Câncer e da Ogilvy lança selo verde para alimentos

Logo mais, você vai dar de cara com alimentos tarja verde nas prateleiras: itens sinalizados com uma faixa.

Trata-se de uma ação do Instituto Vencer o Câncer e da agência Ogilvy, lançada nesta semana.

A campanha visa transformar o cenário de obesidade e sobrepeso no país. No Brasil, 55,7% das pessoas têm excesso de peso, segundo a mais recente Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), de 2018, do Ministério da Saúde.

Crédito: Divulgação Alimentos tarja verde incluem grãos, peixes e nozes

E por que engajar as pessoas em um estilo de vida mais saudável?

A resposta está no filme de dois minutos produzido para a campanha Alimentos Tarja Verde (veja).

Ele traz a história de uma professora de educação infantil que descobriu um câncer e precisou se afastar do trabalho.

A obesidade está relacionada a diversas doenças, como câncer e diabetes. E combatê-las passa pela alimentação saudável desde criança.

Quais são os alimentos tarja verde?
Um site elaborado para a campanha traz os itens que podem levar o rótulo. São frutas, verduras, legumes, grãos e peixes, entre outros.

Os alimentos que recebem tarja verde contam com aspectos nutricionais que ajudam a prevenir doenças. A acessibilidade também entra na conta: são considerados itens como como faixa de preço e sazonalidade.

Crédito: Divulgação Espinafre e maçã recebem selo verde

No vídeo (veja aqui), o oncologista Fernando Maluf, do Instituto Vencer o Câncer, explica como o consumo de alimentos ultraprocessados e refrigerantes, além do excesso de açúcar e gorduras, é prejudicial.

E conta também o que são os alimentos protetores, que “vão garantir a saúde das crianças por muito tempo”, segundo o médico.

Como participar
É possível colaborar com a campanha de quatro formas. A primeira é compartilhando conteúdo, posts, vídeos e informações sobre alimentos tarja verde nas redes sociais, como Instagram e Facebook.

A segunda é voltada a produtores: empresas podem apoiar o programa inserindo em seus produtos o selo Tarja Verde. Para isso, é preciso entrar em contato com o instituto.

Vale ainda contribuir com recursos financeiros para a campanha. Nesse caso, basta escrever para financeiro@vencerocancer.org.br.

E, claro, consumir alimentos tarja verde.

Fonte: Catraca Livre

As opiniões contidas nas matérias divulgadas refletem unicamente a opinião do veículo, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive