Tipo de Tratamento

Radioterapia

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Braquiterapia

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 24/04/2014 - Data de atualização: 24/04/2014


A braquiterapia é um tipo de radioterapia interna na qual um material radioativo é inserido dentro ou próxima ao órgão a ser tratado. Para isso são utilizados fontes radioativas específicas, pequenas e de diferentes formas por meio de guias denominadas cateteres ou sondas.

Atualmente, com o desenvolvimento dos sistemas computadorizados, as fontes radioativas entram nesses cateteres, após sua colocação no paciente, controlados por um programa de computador no qual o físico calcula a dose de tratamento prescrita pelo radioterapeuta.

Existem dois tipos de braquiterapia:

  • Alta Taxa de Dose - A braquiterapia de alta taxa de dose (HDR) envolve a colocação de uma única fonte radioativa de alta dose ao lado ou no interior do tumor durante um curto período de tempo, normalmente por alguns minutos. Tipicamente , os radioterapeutas utilizam cateteres ou agulhas, usualmente denominados de aplicadores para direcionar a posição da fonte radioativa para o tumor , embora dependa da região do corpo a ser tratada, em alguns casos, pode ser necessária a utilização de cateteres. A braquiterapia HDR é frequentemente utilizada para tratar cânceres ginecológicos, de pulmão, mama, próstata e câncer de cabeça e pescoço. É geralmente realizada em regime ambulatorial, ou seja, normalmente são realizadas apenas algumas sessões de tratamento.

  • Baixa Taxa de Dose - A braquiterapia de baixa taxa de dose (LDR) requer que as fontes radioativas sejam inseridas no interior do tumor de forma permanente. Este tipo de braquiterapia é utilizada principalmente no tratamento do câncer de próstata, quando são inseridas pequenas sementes radioativas. O nível de radiação emitida pelas sementes diminui gradativamente ao longo do tempo, de modo que a maior parte da radiação é liberada ao longo dos 3 primeiros meses, e aos 9 meses, as sementes estão praticamente inativas.

Além disso, na braquiterapia LDR e HDR, a radiação também pode ser liberada com curtos períodos de irradiação, por exemplo, a cada 1h, durante um período total de até 24 h. Essa modalidade é denominada taxa de dose pulsada ou braquiterapia PDR. A braquiterapia PDR é frequentemente utilizada para tratar tumores ginecológicos e de cabeça e pescoço.


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive