Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Aumento de Peso

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 24/03/2013 - Data de atualização: 24/03/2013


O tratamento do câncer tem por finalidade a cura ou alívio dos sintomas da doença. Os tratamentos com medicamentos (quimioterapia, terapia alvo, hormonioterapia), cirúrgicos e radioterápicos podem provocar efeitos colaterais que variam de paciente para paciente dependendo de múltiplos fatores, podendo ser diferentes quanto a intensidade e duração. Alguns pacientes poderão apresentar efeitos colaterais mais severos, outros mais leves ou mesmo não apresentar qualquer efeito colateral. Em caso de você apresentar algum efeito colateral devido ao tratamento que está realizando procure imediatamente seu médico para receber as orientações necessárias para seu caso.

Um ligeiro aumento, durante o tratamento, não é problemático. No entanto, o ganho de peso significativo pode afetar a saúde do paciente e sua capacidade de tolerar os tratamentos.

O ganho de peso é um problema de saúde importante para os pacientes vivendo com câncer, e está associado a um pior prognóstico. Estar acima do peso antes do início do tratamento aumenta o risco de problemas como elevação da pressão arterial, diabetes e doença cardiovascular.

Causas

  • Alguns quimioterápicos retêm líquidos nas células e tecidos (edema).
  • Diminuição da atividade física, em função da fadiga, leva as pessoas a se exercitarem menos e com isso ganharem peso.
  • A quimioterapia pode aumentar a fome e despertar desejos alimentares.
  • A quimioterapia provoca uma diminuição no metabolismo, causando o ganho de peso.
  • A quimioterapia pode causar menopausa em algumas mulheres, que está associada com alterações no metabolismo, logo com a probabilidade do ganho de peso.

Esteroides

Os esteroides são substâncias hormonais utilizadas no tratamento, que podem causar aumento do tecido gorduroso, resultando em um abdome grande e inchaço do rosto e pescoço. Um aumento considerável do peso, normalmente, acontece quando as pessoas tomam esteroides continuamente por longos períodos.

Terapia Hormonal

A terapia hormonal para o tratamento de câncer de mama, útero, próstata e testículo envolve medicamentos que diminuem a quantidade de estrogênio ou de progesterona nas mulheres e de testosterona nos homens. A terapia hormonal pode aumentar a massa de gordura, diminuição a dos músculos e alterar a forma como o alimento é processado no organismo, resultando em ganho de peso.

Manejo

Se ganhar peso se torna uma preocupação, consulte um médico ou nutricionista antes de iniciar uma dieta ou mudar os hábitos alimentares. O gerenciamento da dieta e atividades físicas inclui:

  • Consumo de frutas, legumes, pães e cereais.
  • Restrição de gorduras, açúcares e farinhas refinadas.
  • Ingestão de líquidos.
  • Avaliação dos hábitos alimentares diários e identificação dos padrões de comportamento.
  • Exercícios de resistência para os braços e ombros, se houver perda de massa muscular.

Sinais de Retenção de Líquidos

É importante consultar um médico se ocorrer qualquer um dos seguintes sinais de retenção de líquidos:

  • Rigidez da pele.
  • Inchaço dos braços ou pernas, especialmente em torno dos tornozelos e pulsos.
  • Anéis, relógios, pulseiras, ou sapatos apertando mais que o habitual.
  • Diminuição da flexibilidade nas mãos, cotovelos, punhos, dedos e pernas.

Dicas para controlar a retenção de líquidos:

  • Consultar o médico sobre a possibilidade de uso de diuréticos.
  • Reduzir a quantidade de sal na alimentação.
  • Evitar permanecer em pé por longos períodos.
  • Evitar cruzar as pernas, que limita o fluxo sanguíneo.
  • Monitorar o peso corporal diariamente.
  • Evitar roupas apertadas.


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive