Campanha por mais tempo traz um novo olha sobre o câncer de mama metastático

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 25/06/2015 - Data de atualização: 25/06/2015

O que você faria se tivesse mais tempo? Com a proposta de discutir a realidade das mulheres com câncer de mama metastático, a Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama (Femama), o Instituto Oncoguia e a Roche convidam a população brasileira a responder essa pergunta por meio da campanha "Por Mais Tempo", lançada nesta quarta-feira (17), em São Paulo.

No Brasil, 57 mil novos casos de câncer de mama são estimados em 2015 pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca). Dentre as pessoas atendidas pelo SUS com a doença, 50% descobrem em estágio avançado. Em todo o mundo, 30% dos casos de câncer de mama evoluem para estágio metastático, ou seja, quando o tumor atinge outros órgãos do corpo. Dados revelados pela campanha " Por Mais Tempo" mostram, porém, que metade dos brasileiros desconhecem a fase mais avançada da doença e não sabem da existência de tratamento.

A iniciativa, que contou com a realização de um flashmob no Masp, visa disseminar informação e sobretudo expandir o acesso aos novos tratamentos."Precisamos tornar os avanços da medicina acessíveis a todas as pacientes", lembrou a presidente do Instituto Oncoguia, Luciana Holtz.Para ampliar o debate e mobilizar a sociedade, a campanha lançou uma petição online, que pode ser acessada no site www.pormaistempo.com.br, para solicitar ao Ministério da Saúde a incorporação de tratamentos no SUS.

Um aplicativo no Facebook irá fazer uma retrospectiva na vida dos usuários para lembrar ainda quantos sonhos é possível realizar quando há tempo. Mais de 1,7 milhão de novos casos de câncer de mama são diagnosticados anualmente. O câncer de mama representa 12% dos novos casos de câncer em geral e 25% dos cânceres em mulheres. A média de vida do paciente com câncer de mama metastático é de 3 anos. Em 1970, era de 18 meses.

Matéria publicada no Diário de Pernambuco em 17/06/2015.





Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive