Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia Sanofi Grunenthal Sirtex Servier Oncologia Daiichi Sankyo


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Nova recomendação: rastreio de câncer de cólon deve ser iniciado aos 45 anos

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 03/03/2021 - Data de atualização: 03/03/2021


O câncer de cólon é mais prevalente na população acima de 45 anos, e é a terceira causa de morte por câncer em mulheres e homens em dados norte-americanos.

A divulgação da necessidade pelo rastreio da doença esteve em alta nos últimos meses após a morte, aos 43 anos, do ator famoso Chadwick Boseman, estrela do filme “Pantera Negra”.  

Em outubro de 2020, o New England Journal publicou uma matéria debatendo sobre a idade ideal para se iniciar o rastreamento de câncer de cólon. A US Preventive Services Task Force sugeriu alterar a idade de início do rastreio para câncer de cólon da idade de 45 anos para 50 anos como de costume, tendo em vista sua alta prevalência nos adultos jovens. A American Cancer Society já faz essa recomendação há 2 anos, e parece ser uma nova tendência nos próximos meses. 

Testes disponíveis para detecção de câncer de cólon
Vários testes de triagem estão disponíveis para detectar pólipos adenomatosos e câncer colorretal antes que se tornem sintomáticos: testes imunoquímicos fecais, testes de sangue oculto nas fezes, teste de DNA, colonoscopia, sigmoidoscopia, bem como de imagem.

Os testes diferem em relação à sensibilidade e especificidade, frequência dos testes, evidência de eficácia, conveniência, segurança, disponibilidade e custo.

Nova recomendação

A nova recomendação da US Preventive Services Task Force ainda está em fase preliminar, porém não indica um exame específico como recomendação em pacientes assintomáticos, mas considera que testes menos invasivos devam ser iniciados precocemente, e repetidos com intervalos menores. Diante de achados suspeitos a colonoscopia deve, então, ser solicitada.

A mudança de protocolo está sendo baseada na avaliação de aproximadamente 500 trabalhos, principalmente ensaios clínicos randomizados em populações assintomáticas na faixa etária acima dos 40 anos. 

Enquanto isso, a Canadian Task Force on Preventive Health Care (CTFPHC), o European Council, the American Academy of Family Physicians (AAFP), o American College of Physicians (ACP), e o Ministério da Saúde do Brasil mantém a recomendação de iniciar o rastreio do câncer de cólon da população adulta de risco habitual na faixa etária de 50 anos.

Fonte: PebMed

As opiniões contidas nas matérias divulgadas refletem unicamente a opinião do veículo, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive