Senado vota na quarta MP que obriga planos de saúde a cobrirem tratamento oral contra câncer

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 01/02/2022 - Data de atualização: 01/02/2022

O Senado vota nesta quarta-feira (2) a medida provisória que define regras para a incorporação obrigatória de novos tratamentos pelos planos e seguros de saúde. A MP garante aos pacientes que se a ANS não se manifestar dentro do prazo de 120 dias, após o pedido inicial, prorrogáveis por mais 60 dias, o tratamento será automaticamente incluído no rol de procedimentos até decisão definitiva. A medida obriga a disponibilização de medicamentos contra o câncer, de uso oral e domiciliar, inclusive aqueles com tratamento iniciado na internação hospitalar.

Fonte: Rádio Senado 






Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive