Quimioterapia oral passa a ser obrigatória em plano de saúde

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 22/07/2021 - Data de atualização: 22/07/2021

Foram nove anos de debates e, enfim, os brasileiros passam a ter mais acesso a medicamentos contra o câncer. A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei PL 6330/2019, que torna obrigatória a disponibilização de quimoterápicos de uso oral pelos planos de saúde. A inclusão desses remédios seria automática após o registro na Anvisa.

Historicamente, o acesso a esses medicamentos esbarrava no longo processo de avaliação da ANS, em torno de dois anos. Agora, a quimioterapia oral se junta aos medicamentos injetáveis, que já integravam o rol obrigatório da saúde suplementar.

O Instituto Oncoguia, ONG que informa, apoia e defende os direitos dos pacientes com câncer e seus familiares, celebrou a aprovação do projeto de lei.

“Reconhecemos a importância da ANS para a sustentabilidade dos sistemas de saúde. Mas apesar das inúmeras proposições e debates sobre as fragilidades do processo de atualização do rol, os grandes gargalos não foram alterados pela agência e os pacientes continuavam sem acesso às tecnologias prescritas. Agora, vamos acompanhar a sanção da Lei e a sua regulamentação para que o direito dos pacientes ao acesso a seu tratamento seja garantido”, destacou a fundadora do Oncoguia, Luciana Holtz, em depoimento à Federação Brasileira de Hospitais

Matéria publicada pelo portal Panorama Farmacêutico em 21/07/2021






Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive