PL pretende obrigar o Poder Público a disponibilizar mamógrafos

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 26/10/2020 - Data de atualização: 26/10/2020

A Senadora Rose de Freitas (Podemos-ES) apresentou  o Projeto de Lei 4996/2020, para tornar obrigatório que o Poder Público federal disponibilize, no mínimo, um mamógrafo para cada ente federado com mais de noventa mil mulheres.

A proposta faz alteração na Lei nº 11.664, de 29 de abril de 2008, sobre a efetivação de ações de saúde que assegurem a prevenção, a detecção, o tratamento e o seguimento dos cânceres do colo uterino e de mama, no Sistema Único de Saúde.

Em seu texto, a senadora destacou estudo realizado pelo Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR) que confirmou a existência de má distribuição de mamógrafos no País, com a maior cobertura na Região Sudeste e a menor, na Região Norte. Por isso, argumentou que espera, com o projeto de lei, ampliar o acesso aos exames de mamografia, sobretudo nas regiões do País desprovidas de cobertura adequada para esse exame.

E agora?

O projeto aguarda leitura no Plenário do Senado Federal.







Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive