Oncoguia: para 63% dos brasileiros, tratar câncer deve ser prioridade

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 28/04/2022 - Data de atualização: 28/04/2022

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto Datafolha e encomendada pelo Instituto Oncoguia, 63% dos brasileiros acredita que, entre as doenças crônicas não transmissíveis, o tratamento do câncer deveria ser priorizado pelo governo federal. Empatados em segundo lugar estão o consumo abusivo de álcool e as doenças cardiovasculares.

O levantamento foi feito com cerca de 2 mil pessoas de 51 municípios, e foi apresentado na abertura do 12º Fórum Nacional Oncoguia.

Questionados sobre qual é a primeira palavra que vem a mente quando se pensa em câncer, as respostas foram negativas, e a maioria, 24%, respondeu “morte”. A pesquisa também descobriu que 8 em cada 10 brasileiros já teve contato com alguma pessoa com câncer, e 4 em cada 10 ou teve a doença, ou conviveu com algum familiar próximo com a condição.

Para Luciana Holtz, presidente do Oncoguia, os resultados reforçam a importância do tratamento. O oncologista Carlos Barrio questionou ainda por que, apesar da preocupação, o brasileiro ainda não se engaja para garantir o diagnóstico precoce. “Vale questionar por que, então, não se fazem os exames de rastreamento”, disse.

Matéria publicada pelo seguintes veículos:

Metrópoles em 26/04/2022

Medicina S/A em 27/04/2022.

Panôrama Farmaceútico em 28/04/2022.






Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive