Oncoguia acompanha situação de radiofármacos no país

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 23/11/2021 - Data de atualização: 23/11/2021

No decorrer dos últimos meses, o desabastecimento de radiofármacos no Brasil ganhou as páginas dos noticiários em todo país, tendo em vista que a situação impactou diretamente os serviços de saúde, paralisando a realização de vários exames diagnósticos e tratamentos oncológicos, e também de outras patologias que se utilizam desta tecnologia.

No país, a produção deste material é realizada pelo IPEN -  Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, órgão ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), que teve 46% de sua verba cortada pelo Governo Federal, desencadeando esta crise em sua cascata de produção.

A fim de compreender, diagnosticar e informar a população sobre os problemas enfrentados na produção deste insumo e as medidas institucionais e políticas adotadas para enfrentamento do problema, elaboramos um apanhado geral sobre o tema, que pode ser acessado aqui.

Conteúdo produzido pela equipe do Instituto Oncoguia.
 







Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive