Médicos alertam sobre impacto da saúde mental no combate ao câncer

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 01/02/2022 - Data de atualização: 01/02/2022

Segundo a Union for International Cancer Control (UICC), organização da qual a Fundação do Câncer do Brasil faz parte, até 2030 as mortes por câncer atingirão cerca de 13 milhões de pessoas no mundo. De acordo com especialistas, mais de um terço desses casos é passível de prevenção e outra parcela pode ser curada se a doença for detectada precocemente. No entanto, nem todos os pacientes têm acesso a estratégias de tratamento adequadas.

Vencer as falhas na assistência médica, que fazem com que 65% dos óbitos estejam localizados em países menos desenvolvidos, é a bandeira da edição de 2022 do Dia Mundial de Luta Contra o Câncer, celebrado no dia 4 de fevereiro, promovido pela UICC.

No Brasil, especialistas realizarão evento on-line gratuito para abordar a relevância dos aspectos psicossociais no enfrentamento do tratamento, assim como na preservação e na promoção da saúde mental durante e após a doença.

A pesquisadora e psicóloga especializada em oncologia Cristiane Bergerot, que trabalha no Centro de Câncer de Brasília (Cettro), destaca que alguns estudos sugerem que há uma associação entre sintomas depressivos e uma pior sobrevida para o paciente. “Sabe-se que o manejo desses sintomas durante o tratamento melhora as taxas de sobrevida”, afirma.

Cristiane, que conquistou o Global Oncology Young Investigator Awards/Conquer Cancer Foundation em 2021, lembra que é natural ter dificuldades para enfrentar os efeitos físicos, emocionais e sociais da doença e do tratamento.

Comportamentos de risco

Entretanto, aqueles que tentam gerenciar os sintomas emocionais com comportamentos de risco – como fumar e ingerir álcool -, que se tornam mais sedentários ou que se isolam podem ter uma pior qualidade de vida após o tratamento.

Como oncologista, Murilo Buso, também médico do Cettro, observa em sua rotina a relevância da assistência integral, da qual faz parte a psicologia, entre outras especialidades e estratégias. “É preciso estabelecer cuidados centrados na paciente, ou seja, cuidar da pessoa e não da doença”, destaca.

Carla Furtado, fundadora do Instituto Feliciência e professora de psicologia, destaca que cerca de 33% dos diagnósticos podem ser evitados – como aqueles relacionados ao tabagismo, por exemplo – quando detectados precocemente e tratados da maneira correta. “Sabemos que a informação é uma arma potente contra o câncer”, afirma.

Os três especialistas vão aprofundar a temática no Webcast “É Possível Florescer Apesar e A Partir do Diagnóstico de Câncer?”, evento que acontece na próxima sexta-feira (4/2), das 8h às 9h da manhã.

Reproduçãoconvite para o webcast

Webcast será realizado no Dia Mundial de Luta Contra o Câncer (4/2)
Carla Furtado explica que a proposta do webcast é lançar um holofote sobre a dimensão psíquica do paciente e o quanto seu bem-estar emocional é relevante para o tratamento e a qualidade de vida.

“O dualismo mente-corpo é um dos primeiros pontos que precisamos revisitar. Está mais que na hora de atualizarmos esse paradigma, compreendendo que não há cisão entre ambos”, ressalta.

Estresse

“Nosso sistema nervoso integra nosso corpo e a experiência mental é também uma experiência neurofisiológica, química. O estresse inerente ao diagnóstico do câncer, por exemplo, deve ser detectado precocemente e, se necessário, deve-se encaminhar o paciente ao acompanhamento psicológico”, explica a fundadora do instituto.

No encontro, os especialistas falarão sobre conceitos amplos de saúde mental e achados científicos atuais e relevantes para profissionais ligados à oncologia e pacientes com câncer. O evento é uma realização do Instituto Feliciência e da Unity.

A inscrição é gratuita e pode ser feita aqui

Serviço:

Webcast ao vivo: É possível florescer apesar e a partir do diagnóstico de câncer?
Dia Mundial de Luta Contra o Câncer: 4/2 (sexta-feira)
Das 8h às 9h
Com Dra. Cristiane Bergerot, Dr. Murilo Buso e Carla Furtado (MSc)
Inscrições Gratuitas: https://bit.ly/webcastcancerday.

Fonte: Metrópoles 






Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive