Live - Julho Amarelo - o que tem a ver com câncer? 

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 22/07/2021 - Data de atualização: 22/07/2021

Live - Julho Amarelo - o que tem a ver com câncer? 

Estamos no Julho Amarelo - o mês de conscientização contra as hepatites virais.

Por isso, a nossa presidente, Luciana Holtz convidou o hepatologista e presidente do Ibrafig (Instituto Brasileiro do Fígado), Paulo Bittencourt, para uma live, com o objetivo de  informar, orientar e esclarecer as dúvidas sobre as hepatites e o câncer de fígado.

O bate-papo on-line aconteceu nesta quarta-feira, dia 21/07, às 18h, e foi transmitido pelas redes sociais do Oncoguia.

Paulo Bittencourt falou que o câncer primário de fígado (que surge no fígado) ocorre principalmente em pessoas com cirrose, devido às hepatites B e C. Ele destacou a importância da campanha Julho Amarelo na prevenção das doenças hepáticas e do câncer de fígado. 

“Com a campanha, podemos chamar atenção para que as pessoas façam as testagens para as hepatites B e C, e assim previnam a evolução para cirrose e câncer de fígado. A cirrose é uma doença silenciosa, que pode demorar 10 anos para se manifestar”, alertou o hepatologista.

Segundo ele, pessoas com idade superior a 20 anos devem fazer o teste para hepatite B. E após os 40, para a hepatite C. Esses testes estão disponíveis em toda rede básica de saúde. 

O médico também citou que a vacina contra a hepatite B pode ser encontrada no SUS (Sistema Único de Saúde) e faz parte do Programa Nacional de Imunização. 

Paulo explicou que o principal contágio do vírus da hepatite B acontece por via sexual e também na transmissão vertical, ou seja, da mãe para o bebê, e por isso o pré-natal é fundamental. 

O Instituto Brasileiro do Fígado (Ibrafig) e a Sociedade Brasileira de Hepatologia (SBH) promovem, esse mês, a campanha Julho Amarelo, pela conscientização sobre as hepatites virais. 

A ação intitulada de “Não Vamos Deixar Ninguém Para Trás” tem como objetivo incentivar o diagnóstico e o encaminhamento para tratamento de pessoas portadoras do vírus B e C. 

Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), cerca de 1 milhão de pessoas morrem por ano no mundo devido às hepatites virais e 3 milhões de pessoas são infectadas anualmente. No Brasil, segundo dados do Ibrafig, aproximadamente 1 milhão de pessoas têm a doença e não sabem que são portadoras — as do tipo B e C são responsáveis por cerca de 74% dos casos no país e somente a C corresponde a 76% das mortes.

É muito importante esclarecer que a cirrose não é causada apenas pelo consumo excessivo de álcool. No Brasil, as principais causas de cirrose são as hepatites virais,” concluiu o médico.  

Quem quiser conferir a live Julho Amarelo - o que tem a ver com câncer? - basta acessar aqui. 

Em nosso portal, você encontra uma página exclusiva sobre o câncer de fígado, que detalha os sinais e sintomas, diagnóstico, tipos de hepatites, fatores de risco, tratamentos e sugestões de perguntas para que você converse com seu oncologista.

Conteúdo produzido pela equipe do Instituto Oncoguia







Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive