Cuidados preventivos ajudam na luta contra o câncer

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 06/08/2021 - Data de atualização: 06/08/2021

Nesta quarta-feira (4) comemora-se o Dia do Dia Nacional da Campanha Educativa de Combate ao Câncer, que visa alertar a população sobre os cuidados preventivos da doença, melhores maneiras de conduzir os tratamentos e demais cautelas com a saúde.

De acordo com levantamento do Instituto Oncoguia, mais de 50% dos casos de câncer em países desenvolvidos são curados, mas tudo depende do tipo da enfermidade e do seu estágio. Além disso, as estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca) indicam que em 2021, mais de 600 mil brasileiros devem receber a notícias de que estão com algum tipo de câncer.

Segundo o médico oncologista Rafael de Cicco, os principais cânceres que se manifestam nos pacientes, são os de pele, junto ao de mama nas mulheres e o de próstata no homem. “Outros cânceres frequentes são os de intestino, pulmão e boca”, aponta.

De maneira geral, o médico explica que alguns caminhos podem ser percorridos para evitar o câncer, entre eles, manter uma alimentação rica em fibras, evitar o excesso de carne vermelha e alimentos ultraprocessados. “Além disso, é importante realizar pelo menos 30 minutos de atividades diárias por dia, durante cinco dias na semana. Também é preciso evitar bebidas alcoólicas, cigarros e outras formas de tabaco, como narguilé, charutos, cachimbos e cigarros eletrônicos. Tudo isso diminui o risco de fazer com que a pessoa tenha o câncer”, afirma Cicco

Embora todas as medidas preventivas sejam tomadas, ainda existem chances de o paciente contrair o câncer e, durante o tratamento da doença, serão necessários alguns cuidados. “Durante os procedimentos de radioterapia e quimioterapia, momento em que a imunidade do paciente fica comprometida, é importante que a pessoa evite aglomerações, para evitar infecções ou alguma doença oportunista, que atacará o indivíduo no momento de vulnerabilidade”, orienta Cicco.

O câncer pode ser provocado por outros fatores, entre eles, o médico acentua os  genéticos, uma vez que alguma alteração do gene passado de pai para filho podem causar a doença. Cicco também destaca os fatores de exposição, como alimentação, tabaco e álcool, que são potencializadores do risco da enfermidade; a vida sem atividades físicas e autores externos, como exposição às radiações, que podem evoluir até se tornar um câncer. 

Matéria publicada pelo site Leia Já em 04/08/2021.






Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive