ANS inclui novos tratamentos para câncer de ovário e fígado

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 02/09/2022 - Data de atualização: 02/09/2022

Pacientes e familiares de câncer de ovário e fígado têm novas opções de tratamento disponíveis no rol da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

A ANS, que regula os planos de saúde, decidiu incluir no dia 29/08 às tecnologias:

  • O medicamento Olaparibe (Lynparza®) com duas indicações, sendo: uma para tratamento  de pacientes com câncer de ovário com mutação BRCA avançado e outra indicação para paciente com mutação BRCA recidivado
  • Também foi incluído o teste genético de BRCA1 e BRCA2 para o diagnóstico de elegibilidade de pacientes com indicação de uso de medicação que determine a mutação dos genes para o início do tratamento.
  • O procedimento de Radioembolização Hepática para câncer de fígado em estágio intermediário ou avançado.

Essa inclusão foi resultado de 6 meses de debates, passando por audiência e consulta pública e muita participação social. Os tratamentos devem ser disponibilizados aos pacientes dos planos de saúde dentro de 21 dias. Converse com o seu médico e veja se você pode se beneficiar.

Ainda, a ANS decidiu não incorporar o procedimento de Radioembolização Hepática para câncer colorretal metastático. A agência acredita que as evidências científicas foram limitadas e por isso a decisão negativa.

Conteúdo produzido pela equipe do Instituto Oncoguia.
 







Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive