0800 do Oncoguia mostra que pacientes com câncer desconhecem seus direitos

Ver conteúdo relacionado
  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 22/10/2014 - Data de atualização: 22/10/2014

Pacientes com câncer de mama e de próstata e seus familiares são os que mais ligam pedindo ajuda.

O Programa Nacional de Apoio e Orientação ao Paciente com Câncer, conhecido pela sigla PAP, tem sido um valioso guia tanto para as pessoas que enfrentam a doença, como para seus familiares e a sociedade em geral. Oferecido pelo Instituto Oncoguia, uma das principais referências brasileiras na defesa dos direitos dos pacientes com câncer, o serviço contabiliza mais de 3.000 atendimentos nos últimos dois anos.

"O nosso objetivo é promover o acesso à informação sobre detecção precoce, tratamentos, qualidade de vida e os direitos do paciente, contribuindo na redução do número de pessoas enfrentando problemas decorrentes do câncer”, afirma a presidente do Instituto Oncoguia, a psico-oncologista e especialista em Bioética Luciana Holtz de Camargo Barros.

Uma equipe de profissionais orienta os usuários por telefone gratuitamente (0800 7731666) ou por e-mail, de forma personalizada. E a demanda é grande. Nos últimos 17 meses, 2.214 pessoas procuraram o serviço. Foram fornecidas 1.683 orientações por telefone, 60% delas referentes aos direitos sociais, o que revela o grande o desconhecimento do público sobre isenção de impostos na compra de veículos, auxílio-doença, aposentadoria por invalidez e gratuidade no transporte urbano, entre outros benefícios garantidos pela legislação brasileira.

A presidente do Instituto Oncoguia comenta que há dois desafios constantes: o de informar os pacientes sobre os direitos e o de auxiliá-los nas formas de garanti-los. "Nas duas precisamos do comprometimento do paciente de forma ativa e responsável. A conquista dos direitos na prática não é fácil, mas é possível. E mais, estamos aqui para ajudá-los!”, ela enfatiza.

Nesse período uma dúvida recorrente referiu-se ao acesso ao tratamento antineoplásico de uso oral, uma conquista que veio por meio de Resolução Normativa da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), publicada em maio deste ano. Outras orientações oferecidas são relacionadas aos tipos de câncer, formas de prevenção e tratamento e qualidade de vida, por exemplo.

A maioria dos contatos (49%) foi feita pelos próprios pacientes, como registra um sistema especialmente desenvolvido para o PAP. Familiares de pacientes correspondem a 45% dos atendimentos, ficando os 6% restantes por conta de profissionais da saúde, público leigo, estudantes e instituições de variados perfis.

Convidados a avaliar o serviço 0800, 76% dos usuários atribuíram nota 10 ao atendimento, considerando-o acolhedor, além de atender às expectativas ao fornecer informações consistentes.

Paciente ativo e responsável

Em todas as suas atividades, o Instituto Oncoguia destaca a importância do Paciente Ativo e Responsável (PAR), para que as pessoas que enfrentam o câncer assumam a liderança diante do seu tratamento e da sua vida. Ao adotar essa postura o paciente, de acordo com Luciana Holtz de Camargo Barros, estará mais preparado e motivado para lutar contra a doença.

"O paciente estará mais informado, terá maior controle e participação nas escolhas e decisões, vai se sentir mais confiante, seguro e preparado para enfrentar o tratamento, saberá lidar com as reais expectativas, será o defensor de si mesmo e da sua vida e exercerá seu papel de cidadão ativamente e com responsabilidade”, ela ensina.

Matéria publicada no Portal da AMUCC em 23/07/2014





Folhetos Diferentes materiais educativos para download

A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Ver versão completa do site. Desenvolvido por Lookmysite Interactive