Tipos de Câncer

Câncer de Vagina


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Sobre o Câncer de Vagina

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 03/10/2015 - Data de atualização: 18/05/2018


Existem vários tipos de câncer de vagina:

  • Carcinoma de Células Escamosas. Cerca de 90% dos cânceres de vagina são carcinomas de células escamosas, que se iniciam nas células do mesmo nome e que compõem o revestimento epitelial da vagina, são mais comuns na parte superior do órgão, próximos ao colo do útero e têm desenvolvimento lento. Se não forem tratados, podem se disseminar para os tecidos próximos e para outras partes do corpo, como pulmões, fígado e ossos. Inicialmente, algumas células normais da vagina sofrem alterações pré-cancerígenas, em seguida, algumas destas células se transformam em células cancerígenas propriamente ditas, num processo que pode levar vários anos.

  • Adenocarcinoma. Os tumores que começam nas células glandulares são denominados adenocarcinomas e representam 10% dos casos dos cânceres de vagina. O tipo mais comum de adenocarcinoma vaginal se desenvolve em mulheres com mais de 50 anos. O adenocarcinoma de células claras ocorre mais frequentemente em mulheres jovens que foram expostas ao dietilestilbestrol dentro do útero materno.

  • Melanoma. Os melanomas se desenvolvem a partir das células produtoras do pigmento que dá cor à pele. Estes tumores são usualmente encontrados em áreas da pele expostas ao sol, mas podem formar-se na vagina ou outros órgãos internos. Cerca de 3% dos casos de câncer de vagina são melanomas. O melanoma tende a afetar a parte inferior ou exterior da vagina, variando em tamanho, cor e padrão de crescimento.

  • Sarcoma. O sarcoma é um tipo de câncer que começa nas células dos ossos, músculos ou tecido conjuntivo. Até 3% dos casos de câncer de vagina são sarcomas. Estes tumores se formam no fundo da parede da vagina, e não em sua superfície. Existem vários tipos de sarcomas vaginais. O rabdomiossarcoma é o tipo mais comum de sarcoma vaginal, mais frequentemente encontrado em crianças. O leiomiossarcoma é visto com mais frequência em mulheres adultas, principalmente em mulheres com mais de 50 anos.

Outros Tipos


Os tumores da vagina são muito menos comuns do que os cânceres que começam em outros órgãos como, colo do útero, corpo do útero, reto ou bexiga, e se disseminam para a vagina. Além disso, um câncer que envolve o colo do útero e a vagina é considerado como um câncer de colo de útero. Da mesma forma, se a doença envolver tanto a vulva e a vagina, é considerado como câncer de vulva.

Fonte: American Cancer Society (19/03/2018)


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive