Tipos de Câncer

Câncer de Laringe e Hipofaringe

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Astellas UICC Libbs GBT Abbvie Ipsen Sanofi Grunenthal Daiichi Sankyo


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Sinais e sintomas do câncer de laringe e hipofaringe

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 04/05/2015 - Data de atualização: 03/08/2021


Na maioria dos casos, os cânceres de laringe e hipofaringe são diagnosticados em função dos sintomas.

Alterações na voz e rouquidão

O câncer de laringe que se forma nas cordas vocais (glote), muitas vezes, causa rouquidão ou alterações na voz. Isso pode levar a um diagnóstico em estágio inicial. As pessoas que apresentam alterações na voz, como rouquidão que não melhora em duas semanas, devem procurar um médico. Para uma avaliação completa, podem ser encaminhados para um especialista em ouvido, nariz e garganta (otorrinolaringologista) ou um cirurgião de cabeça e pescoço.

Para os tumores que não se iniciam nas cordas vocais, a rouquidão ocorre somente após os mesmos atingirem um estágio avançado ou terem invadido as cordas vocais. Muitas vezes, esses tumores não são diagnosticados antes de se disseminarem para os linfonodos, de modo que o paciente perceba uma massa no pescoço.

Outros sinais e sintomas

Os tumores que começam na área da laringe (supraglote, subglote ou hipofaringe) são frequentemente diagnosticados em estágios avançados, por não apresentarem sintomas, como a rouquidão.

Os sintomas desses cânceres podem incluir:

  • Ferida na garganta que não cicatriza.
  • Tosse persistente.
  • Dor e dificuldade para engolir.
  • Dor de ouvido.
  • Dificuldade para respirar.
  • Perda de peso.
  • Nódulo ou massa no pescoço.

Ter um ou mais destes sintomas não significa ter um câncer de laringe ou hipofaringe. Na verdade, muitos desses sintomas são causados ​​por outras condições clínicas. Ainda assim, se você tiver algum desses sintomas, é muito importante que sejam acompanhados por um médico para que a causa possa ser diagnosticada e tratada, se necessário.

Texto originalmente publicado no site da American Cancer Society, em 21/01/2021, livremente traduzido e adaptado pela Equipe do Instituto Oncoguia.



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive