top
Pacientes

Colunistas


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Simone superou o tratamento e as metas da sua empresa. Veja como!

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 11/04/2016 - Data de atualização: 11/04/2016


Esse é mais um artigo com o objetivo de mostrar que é possível melhorar suas finanças após o diagnóstico de câncer. Talvez você pense que é difícil conseguir essa melhora, mas vou trazer nessa coluna exemplos de pessoas que conseguiram.

Hoje trago a entrevista que realizei com a Simone Dias.

A Simone nasceu em São Paulo, em 1979 e teve o diagnóstico de câncer de mama aos 35 anos. Ela se casou, teve um único filho e quando ele tinha dois anos se divorciou. Logo conheceu o Douglas, seu atual marido. O filho dela hoje possui 14 anos.

Ela sempre trabalhou na área de seguros. Começou a carreira trabalhando na Porto Seguro, onde permaneceu durante sete anos. Trabalhou em parceria com outras corretoras e também por um período de dois anos na Marítima.

No início de 2015 decidiu empreender e abrir sua própria corretora de seguros, as SC Dias Corretora. Começou a empresa bem animada e traçou diversas metas para o primeiro ano. Estava indo tudo bem quando, de repente, percebeu um caroço no seio. Começou a fazer exames e se deparou com o difícil diagnóstico de câncer de mama.

No início a Simone ficou sem chão, teve medo e muitas dúvidas de como seria conduzir a nova empresa com todo o tratamento que viria pela frente.

De repente ela se lembrou que quando trabalhava na Porto Seguro, havia feito um seguro de vida com cobertura para doenças graves. Com o diagnóstico conseguiu receber um valor dessa cobertura, o que foi fundamental para lhe dar estabilidade e tranquilidade.

A segurança de ter os recursos necessários para manter a renda no período do tratamento e o grande apoio que recebeu do marido, lhe permitiu continuar com as atividades da empresa de maneira leve e criativa.

Continuar o trabalho foi prazeroso, saudável e divertido, pois ela pode se distrair dos assuntos do tratamento. Assim, a Simone conseguiu finalizar o ano de 2015 cumprindo todas as metas que havia proposto para sua empresa no início do ano.

A Simone identifica alguns crescimentos que a experiência com o câncer lhe proporcionou entre eles ela ressalta: respeitar os limites do corpo, que traçar metas é importante, mas realizar e valorizar os momentos do presente, é ainda mais.

Quem tiver interesse em conhecer mais sobre a Simone, pode entrar em contato que ela terá enorme prazer em lhe ajudar, basta conferir seu site SDias Corretora de Seguros.

Se você também tem uma história de como conseguiu lidar com suas finanças após o diagnóstico, entre em contato comigo para compartilhamos com outras pessoas que possam ser inspiradas por você.

Um abraço,
Viviane Ferreira



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive