top
Núcleo de

Advocacy

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Medtronic Takeda Susan Komen Astellas UICC


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Oncoguia solicita ao MS esclarecimento sobre falta de medicamento

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 10/11/2016 - Data de atualização: 10/11/2016


O que houve?

O Instituto Oncoguia enviou um pedido de esclarecimento ao Ministério da Saúde, via Lei de Acesso à Informação, em razão do desabastecimento de determinadas medicações oncológicas.
 
Entenda Melhor

O desabastecimento de medicações oncológicas antigas, eficazes e de baixo custo, vem ocorrendo, atualmente, em razão do desinteresse econômico da indústria farmacêutica em manter sua fabricação. Caso esse movimento de descontinuidade na produção de medicamentos oncológicos se confirme e nenhuma medida sanitária venha a ser tomada, milhões de pacientes poderão ter seus tratamentos prejudicados.
 
Por este motivo, o Instituto Oncoguia, que está acompanhando com preocupação este movimento solicitou formalmente ao Ministério da Saúde, os seguintes esclarecimentos:
 
  1. Quais providências o Ministério da Saúde está adotando ou irá adotar para evitar o desabastecimento desses e de outros produtos aos pacientes que deles necessitam? No caso dos produtos acima mencionados, favor esclarecer as providências adotadas ou em vias de adoção para cada um deles.

  2. O Ministério da Saúde estuda a possibilidade de produzir esses medicamentos nos laboratórios públicos ou nacionais mediante transferência de tecnologia? Se sim, quais providências já foram adotadas?
 
Igualmente, o Instituto Oncoguia, a fim de abrir o diálogo com o setor, enviou um ofício à INTERFARMA (entidade representativa das empresas farmacêuticas), para colocar o problema na pauta da agenda setorial e trazer ao debate as impressões da entidade sobre todo o exposto, bem como suas propostas para sanar este problema.
 
E Agora?

O Instituto Oncoguia seguirá monitorando os desdobramentos deste problema.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive