Tipos de Câncer

Câncer de Ânus


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

O Ânus

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 20/10/2015 - Data de atualização: 26/11/2017


O ânus é um orifício na extremidade inferior do intestino.

O canal anal é o tubo que liga a parte inferior do intestino grosso ao ânus e à parte externa do corpo. À medida que o alimento é digerido, ele passa do estômago para o intestino delgado, e em seguida, para o intestino grosso. O cólon (intestino grosso) absorve a água e o líquido dos alimentos digeridos; e, os resíduos que restam, formam as fezes, que são armazenadas no reto, a parte final do sistema digestivo. A partir daí, as fezes são eliminadas para fora do corpo passando pelo ânus por meio do movimento peristáltico do intestino.



O revestimento interior do canal anal, a mucosa, é constituído por vários tipos de células. Compreender o funcionamento  destas células é importante para a entender que tipos de câncer se desenvolvem no canal anal. Na mucosa são encontradas glândulas, que produzem muco que atua como líquido lubrificante, e dutos, tubos que saem das glândulas.



As células acima do canal anal (no reto) e na parte estreita do canal próxima ao reto têm a forma de minúsculas colunas. A maioria das células localizadas no meio do canal anal tem a forma de cubos e são denominadas células transicionais. Esta área de transição, e as células abaixo desse plano são denominadas células escamosas. Na borda anal, as células escamosas do canal anal inferior se fundem com a pele do lado de fora do ânus. Esta pele ao redor da margem anal (pele perianal ou margem anal) é formada por células epidermoides, mas contém também glândulas sudoríparas e folículos pilosos. Os cânceres do canal anal e da margem anal são tratados de forma totalmente diferente.

O canal anal é rodeado por um esfíncter, músculo circular que mantém as fezes armazenadas no  interior do reto e canal anal até que seja relaxado durante a evacuação.

Fonte: American Cancer Society (20/01/2016)

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive