Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia Sanofi Grunenthal Sirtex Servier Oncologia


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

[NOTA] Você já ouviu falar em quimioprevenção?

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 15/09/2015 - Data de atualização: 15/09/2015


A quimioprevenção é a utilização de agentes químicos naturais ou sintéticos, ou seja, medicamentos, na reversão, bloqueio ou prevenção do surgimento do câncer. Embora pouco se fale sobre isso no Brasil, esse é um assunto já bastante debatido na comunidade médica e existem, inclusive, guidelines, diretrizes de utilização publicadas e atualizadas  pela American Cancer Society.

Hoje há medicamentos indicados para a diminuição de risco de câncer de mama em mulheres de alto risco para a doença, do risco do câncer colorretal em pacientes com síndrome de Lynch e  do risco de câncer de próstata em homens com parente em primeiro grau atingido pela doença. Sobre o último (próstata) ainda não há resultados conclusivos.

O oncologista clínico Ricardo Caponero explica que a bioquimioterapia é subutilizada no Brasil  e, até mesmo, nos Estados Unidos. "Lá eles tem muito mais o que se chama de medicina terapêutica que a medicina preventiva".

Aqui no Brasil, ele dá como exemplo o tamoxifeno medicamento para o câncer de mama, que mesmo comprovadamente eficiente na prevenção, não é indicado ou pago pelos sistemas público e privado de saúde.  

"O SUS e os planos de saúde fornecem o medicamento para doença metastática, como adjuvância, mas não para prevenção. Aquela paciente de alto risco, que teria indicação como prevenção, não tem a chance de usar o medicamento", aponta.

Dr. Caponero conta que mesmo os oncologistas pouco conversam com seus pacientes sobre a quimioprevenção. "Muito infelizmente os tabus são grandes, embora os estudos tenham mais de 10 anos. A quimioprevenção é absolutamente negligenciada", finaliza.


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive