Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Bayer Janssen MSD Takeda Astellas UICC Libbs Abbvie Ipsen Sanofi Daiichi Sankyo GSK Avon Nestlé Servier


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

[NOTA] Ministério da Saúde responde dúvidas sobre o descumprimento da Lei dos 60 dias

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 15/09/2015 - Data de atualização: 15/09/2015


O Instituto Oncoguia esclareceu algumas dúvidas, via Lei de acesso à informação, sobre a Lei nº 12.732/2012, a qual assegura que os pacientes com câncer iniciem o tratamento dentro de 60 dias após o diagnóstico da doença, ou em prazo menor, desde que o médico assistente registre o tempo adequado para início do tratamento no prontuário do paciente.
 
Segundo a resposta apresentada pelo Ministério da Saúde, a pessoa diagnosticada com a neoplasia maligna que se deparar com a demora no início do tratamento "deverá procurar a Secretaria de Saúde do seu município, pois os fluxos e regulação aos serviços são organizados localmente. Além disso, [...], o descumprimento da Lei sujeitará os gestores, direta e indiretamente responsáveis, às penalidades administrativas.”.
 
Ainda de acordo com o MS, o Sistema de Informação do Câncer (SISCAN), onde ficarão arquivadas as informações dos pacientes, será instalado somente nos serviços de saúde vinculados à rede assistencial de prevenção e controle do câncer, de modo que não será possível ao paciente acessá-lo de um computador particular.
 
"O descumprimento do prazo de 60 dias é ilegal e se o paciente não conseguir resolver o problema em contato com a Secretaria da Saúde, poderá acionar a justiça por meio dos juizados especiais da fazenda pública, advogado particular ou defensoria pública”, explica Tiago Farina Matos, Diretor Jurídico do Instituto Oncoguia.
 
O Instituto Oncoguia conta também com o Programa Nacional de Apoio ao Paciente com Câncer, canal de atendimento que pode ser acionado por meio do Fale Conosco e do telefone 0800 773 1666 (ligação gratuita para todo Brasil). Além de sanar as dúvidas dos pacientes sobre esse e outros assuntos, o canal ajuda no monitoramento da situação e a pressionar os gestores no aprimoramento das políticas de saúde.


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2022 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive