top

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Medtronic Takeda Susan Komen Astellas UICC


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Mulher com câncer de mama vira blogueira para estimular luta pela vida

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 09/03/2017 - Data de atualização: 09/03/2017


A descoberta de um câncer de mama mudou completamente a rotina da servidora pública Dayane Sant´Anna Benevides, de 33 anos, que mora em Petrópolis, na Região Serrana do Rio. Diagnosticada com a doença em janeiro de 2016, ela resolveu lidar com o problema de uma maneira diferente: virando blogueira e youtuber para estimular a luta pela vida por meio das redes sociais.

Com o perfil "Viver eu quero”, Dayane conta detalhes sobre tratamentos, tira dúvidas com médicos e publica vídeos para ajudar o dia a dia de quem enfrenta a doença. Em algumas publicações, ensina a amarrar lenços, em outras, mostra as conquistas no tratamento. Em um ano, o blog já registrou 50 mil visualizações. Nas redes sociais são mais de 22 mil seguidores.

A blogueira também divulga casos de famosos que enfrentaram a luta contra o câncer, como o ator Hugh Jackman, que interpreta o personagem Wolverine. Ele chegou a fazer um post em uma rede social contando sobre a quinta vez que enfrenta um câncer de pele.
Dayane também destaca no blog o trabalho da ativista Erin Brockovich que investiga o número incomum de crianças desenvolvendo câncer em uma comunidade da Georgia, nos Estados Unidos. A história virou um filme estrelado pela atriz Julia Roberts.

Em 2016, ela ainda promoveu a campanha ‘Lenços da Alegria’, com o objetivo de disseminar o fluxo  de afetividade e otimismo por meio da doação de lenços e cartas de carinho a pacientes em tratamento quimioterápico. Ao todo, foram 1.500 mulheres beneficiadas em diversas regiões do Brasil.

Surpreendida com o alcance que conquistou, Dayane contou que produzir o conteúdo para os canais virou uma terapia enquanto estava fazendo o tratamento contra a doença. Ela passou por uma cirurgia para a retirada do quadrante do seio, 16 sessões de quimioterapia e 30 sessões de radioterapia.
"Pode parecer clichê, mas fazer o bem ao próximo nos  faz um bem enorme”, comentou.

Casada e com um filho de 3 anos, ela encerrou o tratamento mas ainda precisa fazer o exame genético para saber se vai precisar retirar as mamas. Enquanto isso, adiantou que vai continuar produzindo conteúdo para suas redes na internet, promovendo campanhas e eventos.

"Tem muita vida aqui! Acredito que agora tenha mais do que antes”, afirmou.

Fonte: G1

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive