top

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Mulher com câncer de mama vira blogueira para estimular luta pela vida

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 09/03/2017 - Data de atualização: 09/03/2017


A descoberta de um câncer de mama mudou completamente a rotina da servidora pública Dayane Sant´Anna Benevides, de 33 anos, que mora em Petrópolis, na Região Serrana do Rio. Diagnosticada com a doença em janeiro de 2016, ela resolveu lidar com o problema de uma maneira diferente: virando blogueira e youtuber para estimular a luta pela vida por meio das redes sociais.

Com o perfil "Viver eu quero”, Dayane conta detalhes sobre tratamentos, tira dúvidas com médicos e publica vídeos para ajudar o dia a dia de quem enfrenta a doença. Em algumas publicações, ensina a amarrar lenços, em outras, mostra as conquistas no tratamento. Em um ano, o blog já registrou 50 mil visualizações. Nas redes sociais são mais de 22 mil seguidores.

A blogueira também divulga casos de famosos que enfrentaram a luta contra o câncer, como o ator Hugh Jackman, que interpreta o personagem Wolverine. Ele chegou a fazer um post em uma rede social contando sobre a quinta vez que enfrenta um câncer de pele.
Dayane também destaca no blog o trabalho da ativista Erin Brockovich que investiga o número incomum de crianças desenvolvendo câncer em uma comunidade da Georgia, nos Estados Unidos. A história virou um filme estrelado pela atriz Julia Roberts.

Em 2016, ela ainda promoveu a campanha ‘Lenços da Alegria’, com o objetivo de disseminar o fluxo  de afetividade e otimismo por meio da doação de lenços e cartas de carinho a pacientes em tratamento quimioterápico. Ao todo, foram 1.500 mulheres beneficiadas em diversas regiões do Brasil.

Surpreendida com o alcance que conquistou, Dayane contou que produzir o conteúdo para os canais virou uma terapia enquanto estava fazendo o tratamento contra a doença. Ela passou por uma cirurgia para a retirada do quadrante do seio, 16 sessões de quimioterapia e 30 sessões de radioterapia.
"Pode parecer clichê, mas fazer o bem ao próximo nos  faz um bem enorme”, comentou.

Casada e com um filho de 3 anos, ela encerrou o tratamento mas ainda precisa fazer o exame genético para saber se vai precisar retirar as mamas. Enquanto isso, adiantou que vai continuar produzindo conteúdo para suas redes na internet, promovendo campanhas e eventos.

"Tem muita vida aqui! Acredito que agora tenha mais do que antes”, afirmou.

Fonte: G1

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive