Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

[MATÉRIA] Lacog Conference 2013 – Planejamento de controle do câncer na América Latina e no Caribe

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 15/09/2015 - Data de atualização: 15/09/2015


A Lacog Conference 2013, programa pioneiro que tem por objetivo apresentar estudos clínicos sobre o câncer na América Latina, como forma de promover o compartilhamento das estratégias relevantes para a redução do impacto da doença no território, está sendo realizado em São Paulo, com a participação de importantes pesquisadores de países como, Argentina, Brasil, México, Estados Unidos e Peru entre outros.

O coordenador do encontro, Dr. Carlos Barrios, deu início às apresentações aclarando que o objetivo da Lacog Conference não é traçar dados comparativos entre a atenção oncológica nos países latino-americanos, nem mesmo ‘transportar’ soluções encontradas em uma localidade para outra. "A proposta é ouvir resultados de diferentes estudos, de diferentes países, para que soluções específicas possam ser refletidas e implementadas”.

Na primeira sessão de discussões temas como "Os desafios do tratamento do câncer em centros urbanos, regiões rurais e entre populações indígenas” e "O nível de capacitação profissional de agentes em atuação no câncer na América Latina” foram discutidos, a partir da observação de que o câncer, nos países em desenvolvimento representa um imenso desafio à saúde pública.

Populações em envelhecimento progressivo, subinvestimento em saúde, alta mortalidade pelo câncer em decorrência de diagnósticos avançados, carência em investimentos na saúde primária e imensas áreas territoriais remotas e indígenas compõem os problemas.

Dra. Cynthia Villareal-Garza, pesquisadora mexicana, aclarou que na América Latina, entre 55% e 79% da população concentra-se em regiões urbanas, onde é aportada a grande maioria dos recursos em saúde. "O restante da população que, por sua vez vive em situação de maior pobreza, sofre com diversos fatores de exclusão à saúde, como isolação geográfica, baixos níveis de educação e falta de médicos”.

A pesquisadora apresentou dados sobre o número de médicos e serviços em oncologia na América Latina, alertando para a carência de mecanismos indispensáveis ao controle do câncer. "Existem apenas 18 equipamentos de radioterapia no Peru e 16 países da América Latina ainda não tem acesso ao PETscan”, disse.

A complexidade do enfrentamento do câncer junto à população indígena da América Latina foi outro tema de destaque. Especificidades culturais, religiosas, comportamentais e geográficas demandam, segundo Dra. Cynthia, a realização de mais estudos e pesquisa de tais grupos populacionais, para que estratégias certeiras possam ser realizadas.

"Entre a população indígena da Guatemala, por exemplo, há grande incidência de cânceres associados ao tabaco e câncer gástrico – talvez pela falta de refrigeração de alimentos ou uso do carvão como combustível para cozinhar. É preciso entender melhor os comportamentos, para assim criar estratégicas específicas de atuação”.

Na Lacog Conference 2013 será lançada e publicada pela Lancet Oncology a revista sobre a Comissão Latino-Americana. A comissão Latino-Americana é um esforço conjunto, coordenado pelo Dr. Paul Goss que conta com a participação de importantes líderes em oncologia da América Latina, e que aborda questões sobre atendimento e cuidados oncológicos eficazes e sustentáveis para melhorar a prevenção, diagnóstico e tratamento de pacientes na região.


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive