top

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Mais de 30 mil meninos devem ser vacinados contra o HPV no Tocantins

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 11/01/2017 - Data de atualização: 11/01/2017


Ao todo, 30.587 meninos de 12 e 13 anos devem ser vacinados contra o vírus HPV no Tocantins, segundo dados do Ministério da Saúde. A vacina no estado já está disponível e, segundo o governo, os garotos acompanhados dos pais, já podem procurar os postos de saúde. O esquema vacinal é de duas doses, com seis meses de intervalo entre elas.

"As doses já foram disponibilizadas aos municípios e as salas estão aptas a receberem este público-alvo. Vale lembrar que também houve mudança em relação a vacina contra a meningite, que protege contra a forma grave da doença. Ela também será disponibilizada para meninos e meninas na faixa etária de 12 e 13 anos”, disse a técnica da Gerência Estadual de Imunização, Greicy Rivelo.

Até o ano passado, esta imunização era feita apenas em meninas. O público foi ampliado porque, segundo estudos, a inclusão de meninos contribui para a diminuição do câncer de colo do útero e vulva das mulheres, já que isso possibilita a diminuição da circulação do vírus na população, o que beneficia o público feminino.
Além disso, os próprios meninos serão beneficiados, já que a vacina protege contra câncer de pênis, garganta, ânus e verrugas genitais, problemas também relacionados ao vírus.

Conforme a Secretaria de Saúde, 343 jovens que vivem com HIV também estão aptos a receberem a vacina. Neste caso, a faixa etária é mais ampla, de 9 a 26 anos, e o esquema vacinal é de três doses.

Entenda a vacina do HPV


O HPV é um vírus que pode causar câncer do colo do útero e verrugas genitais. Ele é altamente contagioso, e a sua transmissão acontece principalmente pelo contato sexual.

A vacina distribuída no SUS é quadrivalente, ou seja, protege contra quatro tipos de HPV: o 6, o 11, o 16 e o 18. Dois deles (o 6 e o 11), estão relacionados com o aparecimento de 90% das verrugas genitais. Os outros dois (o 16 e o 18) estão relacionados com 70% dos casos de câncer do colo do útero.

Fonte: G1

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive