Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Sanofi Grunenthal Daiichi Sankyo


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Inteligência artificial auxilia no diagnóstico ultraprecoce de câncer de pulmão

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 30/07/2021 - Data de atualização: 30/07/2021


Com foco no diagnóstico ultraprecoce de câncer de pulmão, o Hospital São Lucas (HSL) da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) está incorporando a inteligência artificial a exames de tomografia computadorizada para detectar e iniciar o quanto antes o tratamento da doença, aumentando a chance de cura e a redução da mortalidade.  

A tecnologia desenvolvida pela startup Exper, localizada no núcleo de saúde do Tecnopuc, é inédita no Brasil e pode beneficiar fumantes a partir dos 50 anos. O Check Lung, um check-up pulmonar, avalia se o paciente tem ou não câncer de pulmão e investiga marcadores para outras enfermidades que podem acometer a cavidade torácica, como cardiopatias, enfisema e fibrose pulmonar, osteoporose e esteatose hepática (acúmulo de gordura no fígado).

Os dados da tomografia seguem para a análise feita por um software, e o resultado, que fica pronto em até três horas, é liberado junto do resultado do exame de imagem. A solicitação para o procedimento deve partir do médico de referência, como cardiologista ou pneumologista. 

Antes de ser disponibilizada ao público, a tecnologia foi objeto de estudos com a participação de pacientes do HSL e também da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. As conclusões se mostraram surpreendentes: 70% daqueles que passaram pelo procedimento receberam diagnóstico ultraprecoce dessas doenças, em especial do câncer de pulmão, e se submeteram a tratamento que acabou por ser curativo. De acordo com Bruno Hochhegger, médico radiologista torácico do HSL e professor de Diagnóstico por Imagem da Escola de Medicina da PUCRS, a taxa normal de diagnóstico precoce do câncer de pulmão, a partir do início do aparecimento dos sintomas, é de 10%.

Ana Gelatti, oncologista clínica do HSL e do Grupo Oncoclínicas, acrescenta que, atualmente, existem tratamentos diferenciados, mas acessíveis a parcelas pequenas da população, com características muito específicas – ou seja, não se trata de uma realidade da qual todos possam se beneficiar.  

— Fazer esse diagnóstico antes certamente vai impactar na mortalidade — diz Ana. — Se encontramos lesões, conseguimos acompanhar com exames, fazer cirurgia precocemente ou até usar alguma outra tecnologia — complementa.  

A oncologista comenta que a importância dos cuidados preventivos com o pulmão ainda não é bem conhecida do público, fazendo uma comparação com as campanhas anuais que destacam a importância dos exames de mama e próstata, alertas já bem mais difundidos.  

— Tem um estigma maior em relação ao câncer de pulmão por causa do cigarro. As pessoas se sentem mais culpadas, têm dificuldade maior de procurar ajuda, não é fácil parar de fumar — observa a médica, ressaltando que 20% dos casos de câncer pulmonar não estão relacionados ao tabagismo.

Hochhegger destaca também que a ferramenta teve ótimo desempenho na fase de estudos em relação às outras enfermidades, permitindo a descoberta de patologias que os médicos nem estavam, inicialmente, procurando.  

— Aumentou em 82% o índice de novos diagnósticos de outras doenças — informa Hochhegger.  

O atendimento no HSL ainda está reduzido por conta das restrições da pandemia, mas, até o momento, cerca de 60 pessoas já passaram pelo Check Lung.  

— Isso vem a calhar no pós-covid, já que muita gente ficou muito tempo sem fazer exames — comenta o médico.

Fonte: GZH

 



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive