Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Informação e acolhimento para pacientes e familiares

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 17/10/2019 - Data de atualização: 17/10/2019


Maria José Conceição de Lima, de 54 anos, moradora de São Luís Quitunde, no Alagoas, começou a sentir dores na região da barriga que se irradiavam para as costas. Ao procurar um ginecologista, foi levantada a suspeita de câncer do colo do útero e ela precisou realizar uma biópsia. No dia 10 de julho, dia em que realizou a biópsia, o filho de Maria José, Josenildo Lima dos Santos, entrou em contato com o nosso  canal Ligue Câncer para saber o que poderia ser feito para adiantar o resultado que estava previsto para sair apenas em 26/07.

“Quando soube da suspeita de câncer, já comecei a pesquisar tudo sobre a doença para estar preparado ao recebermos o diagnóstico. Foi assim que encontrei o Oncoguia e resolvi ligar para pedir uma ajuda”, comenta Josenildo.

Nossa especialista de atendimento, Vilmena Cruz, orientou-o a entrar em contato com o local onde o exame foi realizado e solicitar o resultado com urgência. No mesmo dia, eles conseguiram buscar o resultado da biópsia. No dia 25 de julho, ela passou por consulta com um cirurgião oncológico da Santa Casa que confirmou o diagnóstico do câncer do colo do útero.

De olhos nos prazos

O médico então encaminhou Maria José para passar por quimioterapia e radioterapia na Santa Casa de Maceió. Mais de um mês depois, em 27 de agosto, Josenildo nos procurou novamente, pois o tratamento da mãe ainda não havia sido iniciado, nem havia perspectiva de quando seria agendado. “Explicamos para ele sobre a lei dos 60 dias e orientamos dessa vez que ele procurasse a ouvidoria da Santa Casa”, relata Vilmena.

Josenildo foi pessoalmente até o hospital onde informou que havia sido orientado pelo Oncoguia, que conhecia os direitos da mãe e que sabia que eles precisavam iniciar o tratamento dela dentro do prazo da lei. Na mesma hora, o hospital agendou a radioterapia para o dia seguinte, em 3 de setembro.

Ao chegarem à Santa Casa na data marcada, não foi possível iniciar o tratamento por causa de um problema interno. A primeira sessão de radioterapia de Maria José seria então iniciada apenas no dia seguinte, 4 de setembro. No entanto, apesar da paciente já estar no setor de radioterapia, sentindo muitas dores e sem medicação seu tratamento não começou.

Acolhimento e orientação

“Eu liguei novamente ao Oncoguia para pedir mais uma orientação e apoio. Estávamos desesperados e não sabíamos o que fazer. Dessa vez, quem me atendeu foi a Shirlei (Guerini). Ela me acalmou e me explicou direitinho o que tínhamos que fazer. Pegamos minha mãe, levamos ao pronto socorro da própria Santa Casa e não saímos de lá até que me minha mãe fosse atendida. Por fim, conseguimos que ela iniciasse o tratamento com radio e quimio no mesmo dia”, conta Josenildo.

Após iniciar o tratamento, Maria José foi encaminhada a uma casa de apoio, onde ela fica de segunda a sexta-feira, para receber o tratamento e os cuidados necessários. “Hoje ela já não sente mais as dores que sentia todos os dias e está muito bem. Se não tivéssemos encontrado o Oncoguia, não sei como iríamos conseguir vê-la assim. Somos só eu e minha irmã e não tínhamos nenhum conhecimento sobre câncer até o caso da minha mãe. Somos muito gratos por todo apoio, acolhimento e orientação”, finaliza.

Você conhece a Lei dos 60 dias? Em nosso portal, criamos uma página especial para o monitoramento da lei. Além de se informar e entender um pouco mais sobre a lei, nesta página você poderá acompanhar um panorama atualizado mensalmente sobre a quantidade de pacientes que entraram em contato pelo canal Ligue Câncer e que tiveram a lei descumprida, conferir outras histórias como a da Maria José, responder a uma pesquisa sobre a lei e deixar seu depoimento.

E se você está com dificuldades para iniciar seu tratamento ou conhece alguém enfrentado esse problema, entre em contato com a gente pelo 0800 773 1666.



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive