Núcleo de

Advocacy

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Imuno BCG tem produção interrompida

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 09/10/2019 - Data de atualização: 09/10/2019


O que houve?

Após queixas de pacientes - no Canal Ligue Câncer do Instituto Oncoguia - sobre suposta indisponibilidade do Imuno BCG no mercado, apuramos que a fabricação da Imuno BCG está interrompida.

Em resposta ao ofício enviado pelo Instituto Oncoguia à Fundação Ataulpho de Paiva (FAP), fomos informados que após inspeção e análise de exigências contidas no relatório da ANVISA, a empresa estima que somente poderá regularizar o fornecimento de seus produtos a partir do primeiro trimestre de 2020. Desta forma, viu-se na inevitável contingência de descontinuar temporariamente o fornecimento e produção do Imuno BCG.

Diante da instalação deste problema, que vem sendo recorrente na saúde pública do país, desde 2011, enviamos questionamentos à ANVISA, via Lei de Acesso à Informação, a fim de obter as seguintes informações:

  • Detalhamento do status do problema perante a ANVISA.

  • Se está na agenda da ANVISA a adoção de medidas regulatórias visando revisões das normas de modo a enfrentar o problema.

  • Se está na agenda da ANVISA a adoção de medidas administrativas/regulatórias emergenciais que possam ser utilizadas neste caso, e em casos semelhantes.


E agora?

Segundo orientações dadas pela ANVISA em 2018, o acesso à Imuno BCG pode se dar por meio da importação do medicamento pelos respectivos hospitais que realizam o tratamento. 

A orientação vale tanto para os pacientes da saúde pública (SUS), quanto para os pacientes da saúde suplementar (planos de saúde).

Entendemos a complexidade alfandegária de nosso país, bem como a majoração do preço do produto frente à sua importação, em comparação com sua aquisição nacional. 

Para tanto, sensibilizamos os gestores que lidam, ano após ano com este problema, a desenharem planos preventivos no que envolve a oferta do Imuno BCG, para minimizar assim, os impactos da demora da oferta e alto custo, frente à uma importação emergencial.

Conforme informações enviadas pela empresa produtora do Imuno BCG, a normalização da produção está prevista para o primeiro trimestre de 2020.



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive