Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Hospital de Amor de Barretos percorre país com carreta para detectar câncer de pulmão

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 24/06/2019 - Data de atualização: 24/06/2019


Carreta projetada pelo Hospital de Amor de Barretos realizará exame para diagnóstico de câncer de pulmão — Foto: Antônio Luiz/EPTV

Referência em tratamento oncológico no país, o Hospital de Amor de Barretos (SP) projetou uma carreta que percorrerá o país realizando exames gratuitos para diagnóstico do câncer de pulmão, o segundo mais comum, tanto em incidência, quanto em mortalidade, segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca).

O veículo é equipado com um aparelho de tomografia de alta tecnologia, capaz de detectar tumores em estágio inicial. O coordenador do Centro de Pesquisa Oncológica do hospital, Rui Reis, explicou que o equipamento emite dez vezes menos radiação do que um convencional. O resultado é emitido em 10 minutos.

“O câncer de pulmão, quando atendido no nosso hospital, 90% já estão em estágio avançado. Muitas vezes, até com metástase identificada. É um câncer silencioso, sem sintomas prévios. Então, a possibilidade de identificar em estágios iniciais é importante porque vai aumentar as chances de cura e de vida”, disse.

Segundo Reis, 80% dos tumores no pulmão são decorrentes do uso ou exposição ao tabaco. Além disso, tem mais chance de desenvolver esse tipo de câncer pessoas com idades entre 55 e 75 anos, e que fumam há mais de 15 anos. No ano passado, o Hospital de Amor atendeu 1,3 mil pacientes com a doença.

“Sabemos que o câncer de pulmão afeta mais os fumantes, mais associado ao homem e à mulher que tem menos interesse em se dirigir aos hospitais, a fazer exames de rastreamento. Então, ter uma unidade móvel pode facilitar esse acesso a um método de rastreamento”, completou o médico.

Inicialmente, a carreta realizará testes em pacientes atendidos na rede pública em Barretos. Depois, o veículo segue para Campinas (SP) e só então percorrerá o país. A pesquisadora do Hospital de Amor Fabiana de Lima Vasquez explica que o exame também pode detectar outras doenças respiratórias graves.

“O paciente que fuma tem várias comorbidades, pode vir a ter várias doenças, além do câncer de pulmão. Ele pode ter doenças respiratórias, perda óssea, aumento da pressão arterial, que a gente detecta não na tomografia, mas no exame médico, quando ele vai nos procurar”, disse.

Fonte: G1

As opiniões contidas nas matérias divulgadas refletem unicamente a opinião do veículo, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive