Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Sanofi Grunenthal Daiichi Sankyo


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Frequência do sexo oral amplia risco de câncer por HPV, sugere estudo

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 13/01/2021 - Data de atualização: 13/01/2021


O HPV (papilomavírus humano) é capaz de infectar a pele e as mucosas como a boca e a garganta e causar câncer de orofaringe —que abrange língua, garganta e boca.

Um estudo publicado hoje (11), na revista científica Cancer, aponta que quem teve mais de 10 parceiros de sexo oral na vida apresenta uma probabilidade 4,3 vezes maior de ter câncer orofaríngeo relacionado ao HPV.

Além disso, quem realizou sexo oral mais jovem e em um curto espaço de tempo tinha mais chance de ter esse problema de saúde.

Como foi feito o estudo?

  • Os pesquisadores analisaram 508 participantes --163 pessoas tinham câncer orofaríngeo relacionado ao HPV e 345 não tinham o problema de saúde.
  • Eles responderam uma pesquisa comportamental sobre a intensidade do sexo oral, quantidade de parceiros, idade, se eram fumantes e se realizaram sexo extraconjugal.
  • A pesquisa concluiu que a probabilidade de ter o câncer orofaríngeo associado ao HPV, era maior em quem teve mais parceiros sexuais quando jovens e também em quem realizou sexo extraconjugal.

Por que a pesquisa é importante?

De acordo com Virginia Drake, pesquisadora do estudo, foram descobertas nuances adicionais de como e por que algumas pessoas podem desenvolver esse câncer, o que pode ajudar a identificar aqueles com maior risco.

"Nosso estudo foi baseado em pesquisas anteriores para demonstrar que não é apenas o número de parceiros sexuais orais, mas também outros fatores não avaliados anteriormente que contribuem para o risco de exposição ao HPV por via oral e subsequente câncer orofaríngeo relacionado ao vírus", afirma.

Fonte: Viva Bem

As opiniões contidas nas matérias divulgadas refletem unicamente a opinião do veículo, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2021 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive