Tipos de Câncer

Mesotelioma

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Fatores de Risco para Mesotelioma

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 19/12/2015 - Data de atualização: 11/02/2019


Um fator de risco é algo que afeta sua chance de contrair uma doença como o câncer. Diferentes tipos de câncer apresentam diferentes fatores de risco. Alguns como fumar, por exemplo, podem ser controlados; no entanto outros não, por exemplo, idade e histórico familiar. Embora os fatores de risco possam influenciar o desenvolvimento do câncer, a maioria não causa diretamente a doença. Algumas pessoas com vários fatores de risco nunca desenvolverão um câncer, enquanto outros, sem fatores de risco conhecidos poderão fazê-lo.

Ter um fator de risco ou mesmo vários, não significa que você vai ter a doença. Muitas pessoas que contraem a doença podem não estar sujeitas a nenhum fator de risco conhecido. Se uma pessoa com mesotelioma algum fator de risco, muitas vezes é muito difícil saber o quanto esse fator pode ter contribuído para o desenvolvimento da doença.

Fatores que podem aumentar o risco de uma pessoa desenvolver mesotelioma:

  • Amianto. O principal fator de risco para o mesotelioma é a exposição ao amianto. Na verdade, a maioria dos casos de mesotelioma está ligada à exposição ocupacional ao amianto. O risco de desenvolver o mesotelioma está relacionado com a quantidade de amianto à que uma pessoa foi exposta e o tempo da exposição. As pessoas expostas quando jovens, durante um longo período de tempo, e em níveis mais elevados são mais susceptíveis de contrair este câncer. O mesotelioma leva muito tempo para se desenvolver, o tempo entre a primeira exposição ao amianto e o diagnóstico do mesotelioma pode ser entre 20 e 50 anos. Infelizmente, o risco de mesotelioma não diminui ao longo do tempo após cessar a exposição ao amianto.
     
  • Zeólitos. Os zeólitos são minerais quimicamente relacionados ao amianto, um exemplo é o erionite, que é comum no solo.
     
  • Exposição às radiações ionizantes. Embora o risco de desenvolver mesotelioma seja maior em pacientes tratados com radioterapia, este câncer raramente ocorre raramente nestes pacientes.
     
  • Vírus SV40. Alguns estudos sugerem a possibilidade que a infecção pelo vírus SV40 pode aumentar o risco de desenvolver mesotelioma. No entanto, até o momento, ainda não se sabe se o SV40 é responsável por alguns mesoteliomas. Esse assunto ainda está em estudo.
     
  • Idade. O risco de mesotelioma aumenta com a idade, é raro em pessoas com menos que 45 anos. Cerca de 75% das pessoas com mesotelioma tem mais de 65 anos.
     
  • Gênero. Esta doença é mais comum em homens do que em mulheres, provavelmente, devido à exposição ocupacional ao amianto.
     
  • Alterações genéticas. Uma mutação ou alteração no gene BAP1 pode ser hereditária e tem sido associada ao mesotelioma. Entretanto, as mutações nesse gene são raras.

Fonte: American Cancer Society (16/11/2018)



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive