Tipos de Câncer

Tumor de Wilms

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Estadiamento do Tumor de Wilms

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 21/01/2014 - Data de atualização: 26/09/2017


O estadiamento descreve aspectos do câncer, como localização, se disseminou, e se está afetando as funções de outros órgãos do corpo. Conhecer o estágio do tumor ajuda na definição do tipo de tratamento e a prever o prognóstico da criança.

Sistema de Estadiamento do Grupo de Oncologia Infantil (COG)

O sistema de estadiamento utilizado para o tumor de Wilms é o sistema COG, do Grupo de Oncologia Infantil. Este sistema descreve os estágios do tumor de Wilms com algarismos romanos de I a V:

  • Estágio I

O tumor estava contido dentro de um rim e foi completamente retirado cirurgicamente. A camada de tecido que envolve o rim (cápsula renal) não foi rompida durante a cirurgia. O tumor não invade os vasos sanguíneos próximos ao rim. Não foi realizada biópsia antes da cirurgia.

Cerca de 40% a 45% dos tumores de Wilms são estágio I.

  • Estágio II

O tumor se desenvolveu além do rim, ou no tecido adiposo ou nas proximidades dos vasos sanguíneos ou próximo ao rim, mas foi completamente retirado na cirurgia. Os nódulos linfáticos não contêm tumor. Não foi realizada biópsia antes da cirurgia.

Cerca de 20% dos tumores de Wilms é estágio II.

  • Estágio III

Este estágio se refere a tumores de Wilms, que não podem ser totalmente removidos. O tumor remanescente após a cirurgia está limitado ao abdome. Uma ou mais das seguintes características podem estar presentes:

  • O tumor se disseminou para os linfonodos do abdome ou pelve, mas não para os linfonodos mais distantes, como os do tórax.
  • O tumor invadiu estruturas vitais das proximidades para ser totalmente removido cirurgicamente.
  • Depósitos de tumor são encontrados ao longo do revestimento abdominal.
  • Existem células cancerígenas nas bordas da amostra, o que indica que algumas células remanescentes ficarão após a cirurgia.
  • Células tumorais se disseminaram pela cavidade abdominal antes ou durante a cirurgia.
  • O tumor foi removido em mais de uma peça, por exemplo, o tumor estava no rim e na glândula adrenal, sendo removidos separadamente.
  • A biópsia do tumor foi realizada antes da cirurgia de remoção do tumor.

Cerca de 20% a 25% dos tumores de Wilms são estágio III.

  • Estágio IV

O tumor se disseminou pelo sangue para outros órgãos, como pulmões, fígado, cérebro, ossos ou linfonodos.

Cerca de 10% dos tumores de Wilms é estágio IV.

  • Estágio V

Os tumores são encontrados em ambos os rins no momento do diagnóstico.

Cerca de 5% de todos os tumores de Wilms é estágio V.

Histologia Tumoral


Outro fator importante na determinação do prognóstico e tratamento para um tumor de Wilms é a histologia do tumor, que se baseia na forma como as células tumorais se parecem no microscópio. A histologia pode ser favorável ou desfavorável (anaplásico).

Fonte: American Cancer Society( 16/02/2016)


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive