Tipos de Câncer

Rabdomiossarcoma

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Estadiamento do Rabdomiossarcoma

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 24/07/2013 - Data de atualização: 02/05/2017


O estadiamento descreve aspectos do câncer, como localização, se disseminou, e se está afetando as funções de outros órgãos do corpo. Conhecer o estágio do tumor ajuda na definição do tipo de tratamento e a prever o prognóstico da paciente.

O estadiamento é bastante complexo. Os médicos primeiramente determinar três informações básicos:

  • Tipo de rabdomiossarcoma (embrionário ou alveolar).
  • Estadiamento TNM.
  • Grupo clínico.

Estes fatores junto com a idade da criança são utilizados para dividir os pacientes em grupos de risco e determinar as melhores opções de tratamento.

O sistema de estadiamento TNM utiliza três critérios para avaliar o estágio do câncer: o próprio tumor, os linfonodos regionais ao redor do tumor, e se o tumor se disseminou para outras partes do corpo.

TNM é abreviatura de tumor (T), linfonodo (N) e metástase (M):

  • T. Indica o tamanho do tumor primário e se disseminou para outras áreas.
  • N. Descreve se existe disseminação da doença para os linfonodos regionais ou se há evidência de metástases em trânsito.
  • M. Indica se existe presença de metástase em outras partes do corpo.

Estes fatores são combinados para determinar o estadiamento:

  • Estágio 1. O tumor se desenvolveu na órbita (área próxima ao olho), na cabeça e pescoço (próximo das membranas que cobrem o cérebro), na área genital ou urinária, ou nos ductos biliares. O tumor pode ser de qualquer tamanho e pode ter crescido em áreas próximas ou se disseminado para os linfonodos próximos, mas não se disseminou para outros órgãos.

  • Estágio 2. O tumor se desenvolveu na bexiga ou próstata; braço ou perna; no parameníngeo (próximo das membranas que cobrem o cérebro) ou qualquer outro local não mencionado no estágio 1. O tumor tem até 5 cm de diâmetro e não existem evidências de que se disseminou para os linfonodos ou outros órgãos.

  • Estágio 3. O tumor se desenvolveu na bexiga ou próstata, no braço ou perna, no parameníngeo (próximo das membranas que cobrem o cérebro) ou qualquer outro local não mencionado no estágio 1. E qualquer uma das seguintes situações: tem até 5 cm de diâmetro e se disseminou para os linfonodos próximos ou é maior que 5 cm de diâmetro e pode (ou não) ter se disseminado para os nódulos linfáticos próximos. Em ambos os casos, a doença não se disseminou para outros órgãos.

  • Estágio 4. O tumor se desenvolveu em qualquer local, pode ser de qualquer tamanho e se disseminou para outros órgãos, como pulmões, fígado, ossos ou medula óssea.

Grupo Clínico

O grupo clínico se baseia na extensão da doença e se foi completamente removida durante a cirurgia:

  • Grupo I. Este grupo inclui crianças com doença localizada. Cerca de 10 a 15% dos pacientes com rabdomiossarcoma são do grupo 1.

  • Grupo II. Este grupo inclui crianças cujos tumores foram retirados cirurgicamente, mas existia presença de doença nas bordas da amostra, nos linfonodos ou em ambos os locais. Cerca de 20% dos pacientes com rabdomiossarcoma são do grupo 2.

  • Grupo III. As crianças deste grupo têm tumores que não foram totalmente retirados cirurgicamente, e podem ser vistos a olho nu. O tumor pode ter se disseminado para os linfonodos, mas não há nenhum sinal de que se disseminou para órgãos distantes. Cerca de 50% dos pacientes com rabdomiossarcoma são do grupo 3.

  • Grupo IV. As crianças deste grupo têm evidência de disseminação para outros órgãos, como pulmões, fígado, ossos, medula óssea, músculos ou linfonodos. Cerca de 15% a 20% das crianças com rabdomiossarcoma estão no grupo 4.

Grupos de Risco

  • Grupo de Baixo Risco. Este grupo inclui as crianças com rabdomiossarcomas embrionários estágio 1 que se enquadram nos grupos clínicos I, II ou III, e crianças com rabdomiossarcomas embrionários estágio 2 ou 3, que estão nos grupos clínicos I ou II.

  • Grupo de Risco Intermediário. Este grupo inclui as crianças com rabdomiossarcomas embrionários estágio 2 ou 3 que estão no grupo clínico III, e as crianças com rabdomiossarcoma alveolar, que não se disseminou para outros órgãos (estágio 1, 2, ou 3).

  • Grupo de Alto Risco. Este grupo inclui as crianças com rabdomiossarcoma embrionário e alveolar disseminado (estágio 4).

Fonte: American Cancer Society (21/11/2014)


Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive