Tipos de Câncer

Câncer de Olho

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Estadiamento do Câncer de Olho

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 24/01/2014 - Data de atualização: 10/07/2019


O estadiamento descreve aspectos do câncer, como localização, se disseminou, e se está afetando as funções de outros órgãos do corpo. Conhecer o estágio do tumor ajuda na definição do tipo de tratamento e a prever o prognóstico do paciente.

O estágio do câncer é determinado a partir dos resultados dos exames oftalmológicos e exames de imagem, como ultrassonografia, tomografia computadorizada ou ressonância magnética.

Os sistemas de estadiamento mais usados ​​para descrever os estágios dos melanomas oculares são o sistema TNM da American Joint Committee on Cancer (AJCC) e o sistema usado pelo grupo Collaborative Ocular Melanoma Study (COMS).

Sistema de estadiamento TNM

A maioria dos melanomas oculares começa na úvea, que inclui a íris, o corpo ciliar e a coroide. O sistema descrito abaixo é para os melanomas uveais.

Com menos frequência, os melanomas podem começar em outras áreas dentro ou ao redor do olho, alguns do que têm seus próprios sistemas de estadiamento, como o melanoma conjuntival.

O sistema descrito abaixo é o mais recente sistema da AJCC, vigente desde janeiro de 2018.

O sistema de estadiamento TNM utiliza três critérios para avaliar o estágio do câncer: o próprio tumor, os linfonodos regionais ao redor do tumor e se o tumor se espalhou para outras partes do corpo.

TNM é abreviatura de tumor (T), linfonodo (N) e metástase (M):

  • T. Indica o tamanho do tumor primário e se disseminou para outras áreas.
  • N. Descreve se existe disseminação da doença para os linfonodos próximos ao redor da orelha ou pescoço ou outras partes do olho.
  • M. Indica se existe presença de metástase em outras partes do corpo.

Números ou letras após o T, N e M fornecem mais detalhes sobre cada um desses fatores. Números mais altos significam que a doença está mais avançada.

As categorias T para melanomas da íris são diferentes das categorias T para melanomas do corpo ciliar e coroide. Mas as categorias N e M são as mesmas para os melanomas em todas as três partes da úvea.

  • Tumor primário (T) para o melanoma da íris

TX. Tumor primário não pode ser avaliado.

T0. Não há evidência de tumor primário.

T1. O tumor está apenas na íris.
T1a. O tumor está apenas em ¼ da íris.
T1b. O tumor está em um pouco mais de ¼ da íris.
T1c. O tumor está apena na íris e provoca aumento da pressão intraocular (glaucoma).

T2. O tumor se desenvolveu no corpo ciliar ou coroide (ou ambos).
T2a. O tumor se desenvolveu no corpo ciliar.
T2b. O tumor se desenvolveu no corpo ciliar e na coroide.
T2c. P tumor se desenvolveu no corpo ciliar, coroide, ou ambos, e está provocando glaucoma.

T3. O tumor se desenvolveu no corpo ciliar e/ou coroide e esclera.

T4. O tumor se estende para fora do globo ocular.
T4a. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem até 5 mm de diâmetro.
T4b. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem mais de 5 mm de diâmetro.

  • Tumor primário (T) para corpo ciliar a melanoma cloroide

TX. Tumor primário não pode ser avaliado.

T0. Não há evidência de tumor primário.

Tumores T1:
T1a. O tumor tem um tamanho T1 e não se desenvolveu no corpo ciliar nem no exterior do globo ocular. T1b. O tumor tem um tamanho T1 e se desenvolveu no corpo ciliar. T1c. O tumor tem um tamanho T1 e não se desenvolveu no corpo ciliar, mas cresceu no exterior do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem até 5 mm de diâmetro. T1d. O tumor tem um tamanho T1 e se desenvolveu no corpo ciliar e no exterior do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem até 5 mm de diâmetro.

Tumores T2:
T2a. O tumor é T2 em tamanho e não se desenvolveu no corpo ciliar nem no exterior do globo ocular.
T2b. O tumor é T2 em tamanho e se desenvolveu no corpo ciliar.
T2c. O tumor é T2 em tamanho e não se desenvolveu no corpo ciliar, mas está se crescendo no exterior do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem até 5 mm de diâmetro.
T2d. O tumor é T2 em tamanho e está se desenvolvendo no corpo ciliar e no exterior do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem até 5 mm de diâmetro.

Tumores T3:
T3a. O tumor é T3 em tamanho e não se desenvolveu no corpo ciliar ou no exterior do globo ocular.
T3b. O tumor é T3 em tamanho e se desenvolveu no corpo ciliar.
T3c. O tumor é T3 em tamanho e não se desenvolveu no corpo ciliar, mas se desenvolveu no exterior do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem até 5 mm de diâmetro.
T3d. O tumor é T3 em tamanho e se desenvolveu no corpo ciliar e exterior do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem até 5 mm de diâmetro.

Tumores T4:
T4a. O tumor é T4 em tamanho e não se desenvolveu no corpo ciliar ou no exterior do globo ocular. T4b. O tumor é T4 em tamanho e se desenvolveu no corpo ciliar. T4c. O tumor é T4 em tamanho e não se desenvolveu no corpo ciliar, mas está crescendo no exterior do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular tem até 5 mm de diâmetro. T4d. O tumor é T4 de tamanho e se desenvolveu dentro do corpo ciliar e no exterior do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular é de até 5 mm de diâmetro. T4e. O tumor pode ser de qualquer tamanho e está se desenvolvendo fora do globo ocular. A parte do tumor que se encontra fora do globo ocular é maior do que 5 mm de diâmetro.

  • Linfonodos regionais (N) para melanoma da íris, corpo ciliar e cloroide

NX. Os linfonodos não podem ser avaliados.

N0. O tumor não se disseminou para os linfonodos.

N1. O tumor se disseminou para os linfonodos próximos ou para outras partes do olho.
N1a: O tumor se disseminou para os linfonodos próximos.
N1b: O tumor não se disseminou para os linfonodos próximos, mas se espalhou outras partes do olho.

  • Metástase à distância (M) para melanomas da íris, corpo ciliar e cloroide

M0. Ausência de metástase à distância.

M1. Metástase à distância.
M1a. A maior área de disseminação é de até 3 cm de diâmetro.
M1b. A maior área de disseminação tem entre 3,1 cm e 8 cm de diâmetro.
M1c. A maior área de disseminação é maior que 8.1 cm de diâmetro.

Estágios do câncer

Estágio I. T1a, N0, M0.

Estágio IIA. T1b a T1d, N0, M0 ou T2a, N0, M0.

Estágio IIB. T2b ou T3a, N0, M0.

Estágio IIIA. T2c ou T2d, N0, M0 ou T3b ou T3c, N0, M0 ou T4a, N0, M0.

Estágio IIIB. T3d, N0, M0 ou T4b ou T4c, N0, M0.

Estágio IIIC. T4d ou T4e, N0, M0.

Estágio IV. Qualquer T, N1, M0 ou Qualquer T, qualquer N, M1.

Estágios do sistema COMS para melanoma intraocular

O sistema TNM é bastante detalhado, mas muitos médicos usam o sistema de estadiamento elaborado pelo Grupo de Estudo Colaborativo de Melanoma Ocular (COMS), que realizou a maior parte das pesquisas clínicas sobre o tratamento do melanoma intraocular. Este sistema divide os melanomas oculares em pequeno, médio e grande porte.

Tipo

Espessura

Diâmetro

Pequeno

1,0 mm a 3 mm

5 mm a 16 mm

Médio

3,1 mm a 8 mm

< 16 mm

Grande

> 8 mm

> 16 mm

Para saber mais, consulte nosso conteúdo sobre Estadiamento do Câncer.

Fonte: American Cancer Society (30/11/2018)



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive