top

Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Boehringer Eisai Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

É possível atender no SUS com qualidade, diz diretor de Hospital de Câncer

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 07/12/2017 - Data de atualização: 07/12/2017


Diretor técnico do Hospital de Câncer de Barretos, Edmundo Mauad apresentou na manhã desta quinta-feira o caso de sucesso da instituição no tratamento do câncer, na abertura da 2ª edição do "Reage Rio!", evento organizado pelo GLOBO e pelo Extra. Reconhecido em 2014 como o melhor hospital do Estado de São Paulo, o centro dirigido por Mauad atende exclusivamente pacientes da rede pública de saúde.

— Já ouvi muitas vezes que quem atendesse 100% no SUS não teria futuro, mas nós mostramos que sim — destaca ele, que abriu a mesa de debates sobre saúde no Reage Rio. - Hoje, o Hospital de Câncer de Barretos é o único hospital do interior de São Paulo que tem cirurgia robótica, por exemplo. Temos nove unidades de prevenção apenas de (câncer de) mama. A Universidade Harvard, nos EUA, por exemplo, tem somente um.

Mauad conta que um dos "segredos" é a quantidade de parcerias que o hospital estabelece. Seja com universidades de renome, como a americana Duke, seja com instituições, como o Sesc.

- Nossos números ousados, como as 160 mil mamografias que realizamos por ano, são possíveis graças a parcerias - ressalta ele.

O diretor conta que a satisfação dos pacientes está altamente relacionada não só com a infraestrutura das unidades médicas, mas também com o preparo de todos os funcionários - não apenas os médicos e enfermeiros.

- Fazemos um trabalho muito forte com todos os funcionários, incluindo recepcionistas, porteiros, para saibam lidar com pacientes com câncer - diz Mauad. - Muitos pacientes são extremamente pobres, então têm medo de voltar para as suas cidades e não ter cuidados decentes. Eles acabam ficando direto no hospital, e aí nós fazemos festas de aniversário, levamos os pacientes para pescar, tentamos oferecer lazer de qualidade. Todos os pacientes precisam disso. Para se recuperar bem ou, nos casos terminais, para ter uma morte digna.

Outra iniciativa bem-sucedida no Hospital de Câncer de Barretos se relaciona à educação de crianças:

- Nós percebemos que era importante também educar as crianças para elas se tornarem "mini-agentes", informando as mães, os pais. Então iniciamos um projeto de veículo móvel que leva informações sobre a prevenção do câncer para as crianças. Tem dado muito certo e atraído mais adultos para fazer exames - destaca Mauad.

O "Reage, Rio!" é uma realização dos jornais O Globo e Extra, com oferecimento do Sistema Fecomércio RJ por meio do Sesc RJ, patrocínio da Oi e do AirBNB, e apoio do shopping Rio Sul.

Fonte: Jornal Extra

As opiniões contidas nas matérias divulgadas refletem unicamente a opinião do veículo, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2017 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive