Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Covas não participa da abertura oficial do carnaval de SP após recomendação médica

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 26/02/2020 - Data de atualização: 26/02/2020


O prefeito Bruno Covas (PSDB) não compareceu ao Sambódromo do Anhembi na noite desta sexta-feira (21) para participar da abertura oficial do Carnaval 2020 de São Paulo. Covas, que passa por um tratamento de câncer desde novembro do ano passado, recebeu orientações médicas para evitar contato com o público.

Essa é a primeira vez, pelo menos nos últimos 15 anos, que um prefeito de São Paulo não participa da cerimônia da abertura oficial.

Em seu lugar, o secretário municipal da Justiça, Rubens Rizek, acompanhou o presidente da Liga das Escolas de Samba, Serginho, na abertura oficial antes da passagem da Barroca Zona Sul.

O secretário de Justiça disse que o prefeito queria estar no Anhembi, mas está com a imunidade baixa.

"O prefeito está ótimo, queria tanto estar aqui, porque ele gosta. Ele gosta sobretudo do calor das pessoas. Mas todo mundo sabe e compreende que ele está saindo de um tratamento de câncer e teve recomendação baixa para evitar contatos porque ele ainda está com a resistência muito baixa. Hoje estava trabalhando na prefeitura, estava firme e forte, mais animado do que nunca", disse Rizek.

O prefeito trata de um câncer na região conhecida como cárdia, localizada entre o estômago e esôfago, com metástase no fígado. Ele foi internado na última terça-feira (18) no Hospital Sírio-Libanes para realizar exames e definir as próximas etapas do tratamento após realizar oito sessões de quimioterapia de 30 horas cada uma.

Os exames apontaram que houve uma regressão dos tumores, mas ainda não é possível falar em cura. Já os linfonodos, os gânglios, tiveram um aumento.

Fonte: G1



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive