Especial

Qualidade de vida


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD Mundipharma Takeda Astellas UICC GBT Abbvie Ipsen Danone Nutricia


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Como os tratamentos podem afetar a fertilidade

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 07/03/2012 - Data de atualização: 16/10/2018


Embora nem todos pacientes optem por não terem filhos, a maioria deseja, pelo menos, ter a opção de um dia ter um filho. Porém, com o diagnóstico de câncer, tomar essa decisão deve ser mais rápida e muitas dúvidas surgem, tornando essa questão mais complexa e difícil: Será que ter filhos é a coisa certa a se fazer? Conseguirei engravidar após o tratamento? O tratamento me deixará infértil?

A forma como o tratamento do câncer pode afetar a fertilidade depende de vários fatores, como, por exemplo, o tipo de câncer, a localização do tumor, a idade do paciente, o estado de saúde geral do paciente o tratamento realizado e sua resposta ao mesmo.

Converse com seu médico sobre as opções para preservar sua fertilidade antes de iniciar seu tratamento. Já que  uma vez iniciado o tratamento, as opções ficam mais limitadas.

Alguns pontos importantes que devem ser considerados para preservar a fertilidade:

  • Idade.
  • Diagnóstico.
  • Tipo de tratamento.
  • Se a doença já se disseminou para os órgãos reprodutores.
  • Segurança para retardar o início do tratamento, alguns tipos de câncer de crescimento rápido precisam ser tratados imediatamente.
  • Tempo de fertilização, quando a doença já está em progressão.

A maioria dos pacientes que tiveram câncer ainda pode optar se desejar, em se tornarem pais, no caso de ficarem inférteis após o tratamento. Pode não acontecer do jeito que se esperava antes do diagnóstico da doença, mas se você for flexível, verá que existem algumas opções para planejarem uma família.

Fonte: American Cancer Society (08/06/2015)



Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2020 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive