Categorias


Cadastro rápido

Receba nosso conteúdo por
e-mail

Tudo sobre o câncer

 
Mais Tipos de câncer

Curta nossa página

Financiadores

Roche Novartis Varian Bristol MerckSerono Lilly Amgen Pfizer AstraZeneca Bayer Janssen MSD ACS Mundipharma Takeda Susan Komen Astellas UICC Libbs Healthy Americas GBT Abbvie Ipsen Shire


  • tamanho da letra
  • A-
  • A+

Cientistas criam teste universal que detecta câncer em 10 minutos

  • Equipe Oncoguia
  • - Data de cadastro: 07/12/2018 - Data de atualização: 07/12/2018


Câncer é uma das principais causas de morte no mundo todo, atualmente (foto: reprodução)

Após descobrir que o DNA cancerígeno adere a superfícies metálicas de forma diferente do DNA normal, uma equipe de pesquisadores da Universidade de Queensland, na Austrália, desenvolveu um teste rápido e barato para a detecção do câncer.

O teste é universal e capaz de identificar traços da doença na corrente sanguínea do paciente. Para isso, é usado um fluído que troca de cor para revelar a presença de células malignas em qualquer parte do corpo. O resultado do teste deve aparecer em menos de 10 minutos e tem 90% de chances de identificar a presença do câncer.

Ainda em desenvolvimento, o teste deve revolucionar o campo da detecção de câncer e transformar o procedimento em um processo comum no cotidiano dos médicos. “Uma grande vantagem dessa técnica é que ela é muito barata e extremamente simples para fazer, então pode ser facilmente adotada por clínicas”, disse a pesquisadora Laura Carrascosa em entrevista ao jornal The Guardian. 

Após a identificação da doença, os médicos devem continuar a investigá-la através de outros métodos já consolidados. “Nossa técnica pode ser uma ferramenta para escanear e informar aos médicos clínicos que um paciente pode ter câncer, mas ainda assim são exigidos testes subsequentes com outras técnicas para identificar o tipo e o estágio do câncer."

Como funciona?

O teste funciona a partir da distinção entre células cancerígenas e saudáveis de DNA. As saudáveis funcionam adequadamente e formam grupos metil, que servem para controlar e silenciar genes desnecessários e também transformar em saudáveis os que não são. Já nas células cancerígenas, apenas os genes que ajudam o câncer a crescer são ativados.

O DNA dentro das células normais tem grupos metílicos espalhados por todo o corpo, enquanto o DNA dentro das células cancerígenas é em grande parte vazio, com grupos metil encontrados apenas em pequenos aglomerados.

O estudo publicado no periódico Nature Communications mostra padrões reveladores dos grupos metis do câncer de mama, próstata, colorretal e linfoma. Todos causam um dramático impacto na química do DNA, fazendo com que os saudáveis e cancerígenos se comportem de maneira diferente na água. Segundos os cientistas, o teste é sensível o bastante para detectar pequenas quantidades do DNA doente.

No teste, o DNA suspeito é adicionado à água contendo minúsculas nanopartículas de ouro que tornam a água rosa. Se o DNA das células cancerígenas está presente na amostra, a água permanece com sua cor original. Mas, se o DNA das células saudáveis for adicionado, o DNA se liga às partículas de maneira diferente e torna a água azul. "O teste é sensível o suficiente para detectar níveis muito baixos de DNA de câncer na amostra", afirmou Carrascosa.

Novos testes

Liderados pelo químico Matt Trau, da Universidade de Queensland, os testes já foram feitos com 200 amostras de câncer humano e DNA saudável. “Nós certamente não conhecemos ainda o Santo Graal para todos os diagnósticos de câncer, mas [o teste] parece ser realmente interessante como um marcador universal simples para o câncer e como uma tecnologia acessível que não requer equipamentos complicados baseados em laboratório como sequenciamento de DNA ”, explica Trau.

No momento os pesquisadores estão fazendo testes clínicos com pacientes para observar a ferramenta em ação.

Fonte: Revista Galileu

As opiniões contidas nas matérias divulgadas refletem unicamente a opinião do veículo, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte do Instituto Oncoguia.

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não


A informação contida neste portal está disponível com objetivo estritamente educacional. Em hipótese alguma pretende substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas. O acesso a Informação é um direito seu: Fique informado.

O conteúdo editorial do Portal Oncoguia não apresenta nenhuma relação comercial com os patrocinadores do Portal, assim como com a publicidade veiculada no site.

© 2003 - 2019 Instituto Oncoguia . Todos direitos reservados
Desenvolvido por Lookmysite Interactive